Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


19 de Nov de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Autor de atentado em supermercado de São Petersburgo é detido - Jornal Brasil em Folhas
Autor de atentado em supermercado de São Petersburgo é detido


O autor do atentado de quarta-feira em um supermercado de São Petersburgo, que deixou 18 feridos, foi detido, informou neste sábado o Serviço de Segurança russo (FSB), segundo agências de imprensa do país.

O organizador e executante direto do detonador de um dispositivo explosivo artesanal em 27 de dezembro em um supermercado de São Petersburgo foi detido durante uma operação especial do FSB em 30 de dezembro [sábado], informou um comunicado citado pela agência Interfax.

O suspeito está sendo interrogado, acrescentou uma porta-voz do Comitê de Investigação russo, Svetlana Petrenko, citada em outro comunicado.

Uma fonte próxima ao caso interrogada pela agência Interfax informou que o suspeito é um morador de São Petersburgo de 35 anos chamado Dmitri Lukianenko e que é membro do movimento nacionalista New Age.

Na quarta-feira à noite, 18 pessoas ficaram feridas na explosão de uma bomba de fabricação caseira em um supermercado de São Petersburgo, segunda maior cidade da Rússia. Oito dos feridos continuavam hospitalizados neste sábado.

Este atentado foi reivindicado pelo grupo jihadista Estado Islâmico (EI), segundo um comunicado difundido por sua agência de propaganda Amaq.

A Rússia foi ameaçada várias vezes pelo EI e pelo braço sírio da Al-Qaeda após sua intervenção militar na Síria, em 30 de setembro de 2015.

São Petersburgo sofreu um atentado no metrô que deixou 16 mortos e dezenas de feridos no dia 3 de abril, e que foi reivindicado por um grupo pouco conhecido vinculado à rede Al-Qaeda.

Em meados de dezembro, os serviços de segurança russos anunciaram ter desmantelado, com ajuda das informações transmitidas pela CIA, uma célula do EI que preparava atentados para o dia 16 em São Petersburgo.

Após o anúncio do presidente Vladimir Putin em meados de dezembro de uma retirada parcial das tropas russas na Síria, os serviços de segurança disseram temer uma chegada de extremistas vindos da Síria e do Iraque, agora que o EI perdeu quase a totalidade do território que havia conquistado.

 

Últimas Notícias

Submarino argentino é encontrado um ano e um dia após desaparecimento
Parlamento cubano rejeita resolução da Eurocâmara sobre direitos human
Incêndio da Califórnia registra 74 mortos e mais de mil desaparecidos
Livro mistura suspense e fantasia em reflexão sobre violência no país
EBC e Fundação Getulio Vargas firmam acordo para revitalizar acervo
Trabalho de escoramento em viaduto paulistano prossegue neste sábado
Belo Horizonte tem previsão de mais chuva; temporais já mataram quatro
Prefeito de Mariana diz que não desistirá de ação no Reino Unido

MAIS NOTICIAS

 

Morre em Pelotas o criador da camisa canarinho, Aldyr Schlee
 
 
Brasil concentrou 40% dos feminicídios da América Latina em 2017
 
 
Jungmann e Toffoli anunciam sistema para unificar processos de presos
 
 
Pensamento liberal deve guiar a equipe econômica de Bolsonaro
 
 
Gold3-4 minutosfajn permanecerá à frente do BC até Senado aprovar Campos Neto
 
 
Senado argentino aprova orçamento de 2019 como prometeu ao FMI

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2019 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212