Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


16 de Jan de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Relógio da dívida alemã recua pela primeira vez em 20 anos - Jornal Brasil em Folhas
Relógio da dívida alemã recua pela primeira vez em 20 anos


Pela primeira vez em 22 anos, o famoso relógio da dívida nacional alemã, no centro de Berlim, começou a andar para trás, em um ritmo de 78 euros por segundo.

Na verdade, a dívida pública da Alemanha, que atualmente chega a cerca de 2 bilhões de euros - 23.827 euros per capita - recua desde 2013.

Mas o desendividamento só será considerado a partir deste ano nos orçamentos federais e regionais do país, explica a Federação Alemã de Contribuintes, que instalou o contador digital na sua porta em 1995.

A federação, especializada na caçada por gastos públicos inúteis, decidiu em 1 de janeiro ajustar o Schuldenuhr (relógio da dívida) para comemorar o tão esperado acontecimento.

Desde 2014, a chanceler alemã Angela Merkel e seu ex-ministro de Finanças, Wolfgang Schaüble, tornaram o equilíbrio orçamentário e a ausência de déficit os principais objetivos de sua política. Agora, o país inclusive terá superávits.

Com dívida de 68,1% do PIB, a Alemanha se aproxima dos critérios previstos pelo Tratado de Maastricht, ou seja, 60% da dívida.

 

Últimas Notícias

John Forman recusa cargo no Conselho de Administração da Petrobras
Em visita oficial, Macri é recebido no Planalto por Bolsonaro
Mercado financeiro prevê inflação em 4,02% neste ano
Consultas de CPFs para vendas a prazo no comércio crescem 2,8%
Produção de bicicletas aumenta 15,9% no Brasil
Receita abre consulta a restituição do Imposto de Renda de 2008 a 2018
Ex-comandante da Marinha é indicado para o conselho da Petrobras
Inflação para idosos fecha 2018 em 4,75%, informa FGV

MAIS NOTICIAS

 

ANP aprova credenciamento de empresa certificadora
 
 
Política de combate à inflação foi bem-sucedida, diz presidente do BC
 
 
Marcos Pontes: fusão de Embraer e Boeing preserva interesses do país
 
 
Número de linhas de celular tem maior queda do ano em novembro
 
 
ANP: Petrobras pede prazo maior para definir quais campos vai explorar
 
 
Ex-presidente do Banco Central defende política econômica do governo

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212