Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


24 de Jan de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 O mundo estará observando o que fizerem, adverte EUA ao Irã - Jornal Brasil em Folhas
O mundo estará observando o que fizerem, adverte EUA ao Irã


Os Estados Unidos advertiram nesta sexta-feira (5) o Irã que o mundo estará observando como responde aos protestos contra o governo dos últimos dias, durante uma reunião sobre o tema no Conselho de Segurança da ONU.

O regime iraniano está agora de sobreaviso: o mundo estará observando o que fizerem, disse a embaixadora americana, Nikki Haley, durante a sessão de emergência do Conselho, solicitada por Washington.

Os Estados Unidos convocaram a reunião apesar da crítica ferrenha da Rússia, que acusou Washington de interferir em assuntos internos do Irã.

Os iranianos estão mobilizados em mais de 79 localidade em todo o país, disse Haley ao Conselho.

É uma exibição poderosa do valor das pessoas, fartas com o governo opressivo, que estão dispostas a arriscar sua vida nos protestos, acrescentou.

Haley acusou o governo de fazer uma campanha a favor do regime militar na Síria, de apoiar os combatentes xiitas no Iraque e de apoiar uma elite de cúmplices enquanto os cidadãos comuns do Irã enfrentam dificuldades.

Um total de 21 pessoas morreram e centenas foram presas desde o dia 28 de dezembro, durante as manifestações contra o governo iraniano pelas dificuldades econômicas, nas quais foram registrados ataques a prédios do governo e delegacias policiais.

Também ocorreram protestos a favor do governo em Teerã depois de sexta-feira, o primeiro dia de marchas em apoio ao governo, que se declarou inquieto pela situação.

Alguns diplomatas esperavam que a Rússia convocasse uma votação processual para bloquear a reunião, mas, ao fim, o enviado de Moscou não fez a solicitação.

Nos últimos dias, os Estados Unidos têm se esforçado para obter o apoio do Conselho de Segurança, especialmente dos seis novos membros não permanentes, disseram diplomatas.

 

Últimas Notícias

Chega a 73 o número de mortos em explosão no México; feridos somam 74
Forte terremoto de magnitude 6,7 atinge o Chile
Mais de 150 imigrantes se afogam no Mar Mediterrâneo
Brasil e Europa vão ser interligados por novo cabo submarino
Acordo para mudar nome da Macedônia gera protestos em Atenas
Ghosn está disposto a aceitar qualquer condição para obter fiança
Bombeiros buscam pessoa desaparecida depois de tromba dágua no Rio
Mega-Sena acumula de novo e pode pagar R$ 38 milhões na quarta-feira

MAIS NOTICIAS

 

ANP aprova credenciamento de empresa certificadora
 
 
Política de combate à inflação foi bem-sucedida, diz presidente do BC
 
 
Marcos Pontes: fusão de Embraer e Boeing preserva interesses do país
 
 
Número de linhas de celular tem maior queda do ano em novembro
 
 
ANP: Petrobras pede prazo maior para definir quais campos vai explorar
 
 
Ex-presidente do Banco Central defende política econômica do governo

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212