Assine Brasil em Folhas / Nuvem / Pressreader



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


20 de Jan de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade
 

...

...

 
Notícias
 Parlamento iraniano se reúne para discutir crise no país - Jornal Brasil em Folhas
Parlamento iraniano se reúne para discutir crise no país


O Parlamento iraniano reunia-se na manhã deste domingo (7) para uma sessão especial sobre a recente agitação que afeta o Irã, à medida que novas manifestações de apoio às autoridades eram realizadas em várias cidades.

Os deputados deveriam ouvir o ministro do Interior, Abdolreza Rahmani Fazli, o ministro da Inteligência, Mahmud Alavi, e o secretário do Conselho Supremo de Segurança Nacional (CSSN), Ali Shamkhani, sobre as manifestações que degeneraram em episódios de violência no final de dezembro em várias cidades do país, segundo o site oficial do Majles (Assembleia Nacional).

Os manifestantes saíram às ruas para protestar contra o custo de vida e o governo.

Essas manifestações e sua repressão fizeram um total de 21 mortos, principalmente manifestantes, de acordo com as autoridades, além de centenas de detidos.

A reunião no Parlamento deve se concentrar nas causas que levaram ao movimento de contestação e na resposta das autoridades, enquanto os deputados debatem o projeto de lei de orçamento para o ano fiscal iraniano 1397, que começará em 21 de março.

A questão das restrições impostas ao aplicativo de mensagens instântaenas Telegram, a rede social mais popular no Irã, durante a agitação também deve ser abordada.

O Parlamento não é favorável à continuação da filtragem do Telegram, mas [esta rede] deve assumir compromissos para que não seja usada como instrumento dos inimigos do povo iraniano, escreveu Behruz Nemati, porta-voz da presidência do Parlamento, em sua página no Instagram.

Na quarta-feira, o bloqueio da rede de compartilhamento de fotos Instagram foi levantado, mas o Telegram, que teria mais de 25 milhões usuários no país, continua a ser alvo de restrições: o acesso à rede permanece impossível a partir de um telefone celular, a menos que se use uma rede privada virtual (VPN).

As autoridades pedem ao Telegram que bloqueie alguns canais criados por opositores iranianos no exterior e que conclamam abertamente a população a derrubar o governo.

A Guarda Revolucionária, o exército de elite da República Islâmica, anunciou na quarta-feira o fim da sedição que começou em 28 de dezembro, e manifestações de apoio às autoridades são realizadas todos os dias em muitas cidades.

Neste domingo, a televisão estatal transmitia imagens de manifestações em Rasht e Gazvin (norte), Shahr-e Kord (sul) e Yazd (centro).

Essas mobilizações são uma resposta pública aos agitadores e aqueles que os apoiam, indicou a televisão, à medida que as autoridades culpam Washington, Israel e a Arábia Saudita de incitarem os distúrbios no país ao apoiarem grupos contra-revolucionários.

 

Últimas Notícias

Marlúcio antecipa voto e diz que é contra reajuste da tarifa de ônibus
Revolta com Woody Allen cresce à medida que filha reafirma abuso
Ellen Pompeo assina mais duas temporadas de Greys Anatomy por US$ 20 mi ao ano
Brigitte Bardot critica atrizes que provocam para conseguir papel
Filha de Woody Allen reafirma ter sido abusada pelo cineasta em entrevista
Após acusações de filha de Woody Allen, Hollywood se afasta do diretor
Após 950 anos, França irá emprestar Tapeçaria de Bayeux ao Reino Unido
Veja como é o teste que Trump fez para detectar distúrbios cognitivos

MAIS NOTICIAS

 

Tantas pontuações já não significam nada, afirma premiado chef francês
 
 
Leonardo DiCaprio protagonizará filme de Tarantino sobre Charles Manson
 
 
DiCaprio vai estrelar filme de Tarantino sobre assassinatos de Charles Manson
 
 
Palestinos buscam dar uma resposta a Trump sobre Jerusalém
 
 
Países e organizações indignados com Trump por declarações racistas
 
 
Oliver Stone assina petição para que Lula possa disputar eleição

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 4018-8212