Assine Brasil em Folhas / Nuvem / Pressreader



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


21 de Sep de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade
 

...

...

 
Notícias
 Ação Cidadã realizou mais de 700 mil atendimentos em 65 municípios - Jornal Brasil em Folhas
Ação Cidadã realizou mais de 700 mil atendimentos em 65 municípios


acao cidadaBalanço da Secretaria Cidadã durante o ano de 2017 mostra que, do Renda Cidadã até as ações na área de Direitos Humanos, Assistência Social, passando por programas para jovens, mulheres, crianças e adolescentes, idosos, comunidades tradicionais, população LGTBT e o trabalhador em busca de recolocação no mercado de trabalho, a pasta finalizou o ano de 2017 com saldo positivo.

Somente com o programa Ação Cidadã somou-se mais de 700 mil atendimentos, que ofertaram serviços essenciais gratuitos para 65 municípios visitados do interior goiano. Foi destaque em 2017, o Renda Cidadã com ampliação de 70 mil para 100 mil famílias beneficiárias. O programa de transferência direta de renda contou com aumento no repasse do valor mínimo de R$ 80 para R$ 100.

Também é destaque no ano corrente o apoio financeiro às entidades filantrópicas que atendem as pessoas em situação de vulnerabilidade social. Em 2017, o governador Marconi Perillo aumentou em 25% o repasse às 399 entidades filantrópicas beneficiárias do programa Pão e Leite, com um investimento anual de R$ 12 milhões. Atualmente, o programa Água e Energia assiste a 637 e 19 hospitais entidades em Goiás, com investimento anual em mais de R$ 26 milhões em auxílio para pagamento de tarifas de energia elétrica, água tratada e coleta de esgotamento sanitário.

Na área da igualdade o Governo de Goiás, via Secretaria Cidadã, desenvolve um conjunto de ações que prestam atendimentos (jurídico e psicossocial) às vítimas de qualquer tipo de violência, sejam elas: mulheres, negros, ciganos e demais etnias, população LGBTT e vítimas do tráfico de pessoas. Foram 20 mil Passaportes do Idoso emitidos, e mais de 5 mil Carteiras Passes Livres do Deficientes. Além do funcionamento de 02 novas Centrais de Libras em Valparaíso e Goiânia.

Na área da Mulher, com o objetivo de manter a Rede de Atendimento à Mulher, foram empreendidas viagens aos municípios objetivando criar ou reativar órgãos municipais de políticas e atendimentos específicos voltados para as mulheres. Por meio do Grupo Reflexivo dos autores dos crimes de violência doméstica, a Secretaria Cidadã também atuou através de reuniões terapêuticas semanais, com a finalidade de redução da reincidência do crime de violência doméstica. Durante o ano de 2017, foram mais de 1.000 beneficiários atendidos indiretamente.

Equipe de policiais da Patrulha Maria da Penha, recém-lançada em Aparecida de Goiânia.

A Patrulha Maria da Penha, em parceria com a Secretaria de Segurança Pública, ampliou sua atuação nos municípios goianos e atualmente está presente em 24 municípios, em viaturas com equipe de policiais femininas no combate à violência contra a mulher.

Na área de Assistência Social, também foi autorizado o pagamento do co-financiamento aos municípios goianos, tendo sido liberado R$ 1 milhão em um mês. Também se destaca a aquisição de 18 veículos para compor a nova frota da Secretaria Cidadã e a entrega do prédio que instalou o almoxarifado, com 1,2 mil metros quadrados.

Em 2017 foram inscritos mais de 115 mil trabalhadores via Sine e mais de 123 mil Carteiras de Trabalho emitidas. Foram encaminhados quase 100 mil trabalhadores para o mercado de trabalho o que colocou Goiás entre os primeiros estados na geração de emprego em nível Brasil.

Na área de Direitos Humanos, o Governo de Goiás aderiu à Política Nacional de Migração e foi criado Comitê e aprovado o Regimento Interno e Plano Técnico para a elaboração da Política Estadual para Migração no Estado de Goiás. O Estado também aderiu à Política Nacional de Migração. Também foi implementada a Carteira de Nome Social, em parceria com a SSP, um direito conquistado, especialmente por pessoas travestis e transexuais, que lutam, contra o constrangimento de ser chamado pelo nome que representa um gênero com o qual a pessoa não se identifica.

Comunicação Setorial Secretaria Cidadã


 

Últimas Notícias

Centro está preparado para lançamento de foguete após acidente
Cidades brasileiras integram programa de preservação de florestas
MP denuncia ex-marido de corretora assassinada no Rio
Bolsonaro segue estável e internado no Hospital Albert Einstein
Goiás entra para a elite dos Estados mais competitivos do País
Petrobras eleva gasolina em 2 centavos; diesel permanece inalterado
MME faz consulta sobre planejamento da transmissão de energia elétrica
Inadimplência do consumidor subiu 3,63% em agosto

MAIS NOTICIAS

 

Toffoli toma posse hoje na presidência do STF
 
 
Chanceler do Paraguai visita Brasil para negociar construção de pontes
 
 
Indústria recua em oito dos 15 locais pesquisados pelo IBGE em julho
 
 
Brasil amplia investimento em educação infantil, diz OCDE
 
 
México investiga caso de deputadas forçadas a renunciar
 
 
A série de ataques de 11 de Setembro completa 17 anos

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212