Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


16 de Jan de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Ação que acumula alta de 521% em 3 anos ainda tem espaço para valorização - Jornal Brasil em Folhas
Ação que acumula alta de 521% em 3 anos ainda tem espaço para valorização


SÃO PAULO - As ações da Vulcabras-Azaleia (VULC3) acumulam valorização de 521,4% nos últimos três anos (descontada a inflação), até 2017, já têm ganhos de 11% em apenas sete pregões de 2018 e ainda apresentam espaço para mais altas.

No dia 3 de janeiro, o Credit Suisse anunciou o início da cobertura para as ações da Vulcabras-Azaleia com recomendação outperform (o equivalente a compra) e preço-alvo de R$ 13 por ação, valor 28% acima do fechamento de quarta-feira (8).

Entre as grandes vantagens da empresa, os analistas destacam a integração vertical que permite a empresa ser mais flexível, reduzindo o tempo de produção de novos produtos (45 dias versus 6 a 12 meses dos competidores internacionais) e se adaptar a mudanças de consumo mais rapidamente, afirmam os analistas do banco.

Alem disso, o Credit Suisse destaca o forte crescimento de lucros, com expectativa de resultado em 2017 4 vezes maior que no ano anterior, e com CAGR ( taxa de crescimento composta anual) de 23% entre 2017 e 2019.

Esperamos também que o ROIC (rentabilidade sobre capital investido) continue expandindo e possa chegar a 29% em 2019, com aumento de margem e melhora de capital de giro, afirmam os analistas.

 

Últimas Notícias

Mercado financeiro prevê inflação em 4,02% neste ano
Consultas de CPFs para vendas a prazo no comércio crescem 2,8%
Battisti ficará em isolamento por um ano em prisão na Sardenha
CNN Brasil será lançado neste ano
Toffoli nega habeas corpus preventivo para Battisti
ANP aprova credenciamento de empresa certificadora
Política de combate à inflação foi bem-sucedida, diz presidente do BC
Marcos Pontes: fusão de Embraer e Boeing preserva interesses do país

MAIS NOTICIAS

 

ANP aprova credenciamento de empresa certificadora
 
 
Política de combate à inflação foi bem-sucedida, diz presidente do BC
 
 
Marcos Pontes: fusão de Embraer e Boeing preserva interesses do país
 
 
Número de linhas de celular tem maior queda do ano em novembro
 
 
ANP: Petrobras pede prazo maior para definir quais campos vai explorar
 
 
Ex-presidente do Banco Central defende política econômica do governo

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212