Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


16 de Jan de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Férias escolares exigem atenção redobrada com as crianças - Jornal Brasil em Folhas
Férias escolares exigem atenção redobrada com as crianças


O Hugol (Hospital Estadual de Urgências da Região Noroeste de Goiânia Governador Otávio Lage de Siqueira) realizou 9.600 atendimentos de Urgência e Emergência em crianças de até 12 anos incompletos. O hospital assiste as crianças vítimas de traumas de média e alta complexidades, em casos como acidente de trânsito, queda, afogamento, intoxicação e outros, dispondo de atendimento em Unidade de Terapia Intensiva (UTI) pediátrica.

A unidade também recebe demanda de queimaduras, que são tratadas por especialistas, contemplando desde procedimentos cirúrgicos durante toda a internação até o acompanhamento pós-alta com curativos e cuidados necessários no ambulatório da unidade e, por vezes, reinternação para complemento de tratamento. Ressalta-se que são pacientes classificados como médios e grandes queimados, que requerem internação prolongada.

De acordo com o supervisor médico da Pediatria do Hugol, Elísio de Castro, “a prevenção é importante, pois as crianças podem ficar com sequelas físicas e cognitivas por toda a vida, dificultando o aprendizado. É importante criar um ambiente seguro, evitando potenciais riscos para a saúde dentro de casa, além de ser essencial o uso dos equipamentos adequados para o transporte nos veículos, possibilitando que, em casos de acidentes, estas tenham uma chance de sobrevida”.

Atenção aos riscos:

Casa
Mesmo em casa existem muitos riscos. Os acidentes também acontecem em nosso lar devido à falsa sensação de segurança. Riscos principais: queda, esmagamento por objetos, choque elétrico, queimadura, engasgamento, corte, asfixia, ingestão de produtos tóxicos ou medicamentos, afogamento, violência doméstica, sufocação e queda de objetos pesados, como televisores, tanques etc.

Rua
Ao sair devemos ficar constantemente alertas. Seja como motoristas, pedestres, passageiros ou ciclistas, é necessário respeitar as leis de trânsito e utilizar os equipamentos de segurança pertinentes (cinto, capacete, cadeirinha etc.). Riscos principais: queda, impacto, atropelamento, agressão física, choque elétrico e violência.

Lazer
A diversão tem que começar e terminar bem. Seja ao visitar o clube, a fazenda, o parque ou o lago, é importante agir de forma segura. Riscos principais: queda (de altura e de animais), esmagamento, corte, impacto, afogamento, choque


 

Últimas Notícias

Mercado financeiro prevê inflação em 4,02% neste ano
Consultas de CPFs para vendas a prazo no comércio crescem 2,8%
Battisti ficará em isolamento por um ano em prisão na Sardenha
CNN Brasil será lançado neste ano
Toffoli nega habeas corpus preventivo para Battisti
ANP aprova credenciamento de empresa certificadora
Política de combate à inflação foi bem-sucedida, diz presidente do BC
Marcos Pontes: fusão de Embraer e Boeing preserva interesses do país

MAIS NOTICIAS

 

ANP aprova credenciamento de empresa certificadora
 
 
Política de combate à inflação foi bem-sucedida, diz presidente do BC
 
 
Marcos Pontes: fusão de Embraer e Boeing preserva interesses do país
 
 
Número de linhas de celular tem maior queda do ano em novembro
 
 
ANP: Petrobras pede prazo maior para definir quais campos vai explorar
 
 
Ex-presidente do Banco Central defende política econômica do governo

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212