Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


25 de Mar de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Parlamento britânico aprova lei para concretizar Brexit - Jornal Brasil em Folhas
Parlamento britânico aprova lei para concretizar Brexit


O Parlamento britânico aprovou na quarta-feira (17) uma proposta de lei para concretizar a saída do Reino Unido da União Europeia, processo que ficou conhecido como Brexit. O documento revoga a norma legal de adesão do Reino Unido ao bloco para que prevaleça o direito britânico após a saída, que será concretizada em 29 de março de 2019.

O projeto de lei vai agora para apreciação da Câmara dos Lordes (Câmara Alta do Parlamento) e deve ser votado ainda no fim deste mês.

O projeto, que revoga a lei de adesão do Reino Unido à Comunidade Europeia datada de 1973 e que transfere as normas europeias para o Direito britânico, recebeu 324 votos favoráveis e 295 contra. Em 23 de junho de 2016, foi realizado um referendo sobre a presença do Reino Unido na UE, com 52% de votos a favor da saída e 48% contra.

Políticos favoráveis à manutenção do Reino Unido na UE insistem na realização de um segundo referendo. O argumento principal é de que, quando a votação aconteceu, em 2016, a população britânica não tinha conhecimento de todas as implicações do Brexit. Os políticos afirmam ainda que, se o Brexit não for satisfatório para os jovens, não será sustentável.

Em resposta a esses comentários, o porta-voz da primeira-ministra Theresa May afirmou que ela está determinada a entregar um Brexit favorável a todos os setores da sociedade, inclusive os jovens. Theresa May já sinalizou que não haverá um segundo referendo.

 

Últimas Notícias

Jovens têm menos chance de contratação e mais de serem demitidos
Bolsa cai e dólar fecha em R$ 3,80
Araújo: dispensa de status especial na OMC nos coloca como país grande
Países sul-americanos devem sair de uma só vez da Unasul, diz ministro
Chanceler descarta emprego das Forças Armadas na Venezuela
Moçambique, Zimbábue e Malauí tentam identificar vítimas de ciclone
Nova Zelândia quer proibir, em abril, venda de armas do tipo militar
Conselho Europeu aceita prorrogar saída do Reino Unido para maio

MAIS NOTICIAS

 

Copom inicia reunião nesta terça para definir taxa básica de juros
 
 
Mercado reduz projeção de crescimento da economia de 2,28% para 2,01%
 
 
Atividade econômica tem queda de 0,41% em janeiro, diz BC
 
 
Governo lança edital de estudos para concessão de 22 aeroportos
 
 
Governo do Rio anuncia rompimento da concessão do Maracanã
 
 
Conflitos e segurança poderão contar pontos na avaliação de escolas

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212