Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


23 de Fev de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Macron condena declarações de Trump sobre países de merda - Jornal Brasil em Folhas
Macron condena declarações de Trump sobre países de merda


O presidente francês, Emmanuel Macron, condenou neste domingo (21) as declarações de seu contraparte americano, Donald Trump, que qualificou as nações africanas, o Haiti e El Salvador de países de merda.

Ao ser questionado durante uma entrevista à BBC, divulgada hoje, sobre se compartilhava do mal-estar provocado pela expressão, Macron respondeu: está claro que não é uma palavra que possa ser usada.

Acredito que muitos dos nossos problemas no Oriente Médio e na África se devam a muita frustração, muita humilhação no passado, e temos que compreender isso. Acredito realmente que temos que respeitar todos os países. É o que devemos, e é muito mais eficaz, defendeu o presidente francês.

Não é um uso político, declarou Macron, referindo-se a Trump, que neste fim de semana completa um ano na Presidência.

Temos uma relação muito boa (...) Quero trabalhar com ele, e construímos uma relação forte, afirmou, indicando que os dois discordam sobre diversos temas.

Ligo para ele frequentemente, sempre sou extremamente direto e franco, declarou Macron, que explicou: às vezes, consigo convencê-lo e, às vezes, fracasso.

Macron qualificou os abundantes e polêmicos tuítes do presidente americano de mistura entre reações pessoais e políticas.

Acho que isso não é viável, quando se é presidente de uma república como os Estados Unidos, acrescentou.

 

Últimas Notícias

Saúde libera recursos para atender moradores da região de Brumadinho
Justiça determina prisão preventiva de acusado de espancar paisagista
Irmão de mulher espancada diz que ainda está chocado com a violência
Flamengo pede mais prazo para decidir sobre indenização de vítimas
Profissionais que atuaram em Brumadinho serão monitorados
Auditores descobrem 158 Kg de cocaína na fronteira com a Bolívia
Governo determina medidas de precaução para barragens em todo o país
Bolsonaro irá ao Congresso entregar texto da reforma da Previdência

MAIS NOTICIAS

 

Sul do Chile enfrenta 45 focos de incêndios florestais
 
 
Governo de Minas oferece suporte psicossocial às vítimas de Brumadinho
 
 
Força Nacional de Segurança começa a deixar o Ceará
 
 
Licitação de ônibus em São Paulo tem contratos de R$ 71 bi em 20 anos
 
 
Força Nacional vai atuar em Belém na primeira quinzena de março
 
 
Fiocruz alerta para agravamento de doenças na população após tragédia

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212