Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


19 de Fev de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Nível do Rio Madeira sobe, e Porto Velho entra em estado de alerta - Jornal Brasil em Folhas
Nível do Rio Madeira sobe, e Porto Velho entra em estado de alerta


A Defesa Civil de Porto Velho decretou estado de alerta após a elevação da cota do Rio Madeira. Na sexta-feira (19), a cota atingiu 14,55m. Nesta segunda-feira (22), após as chuvas do fim de semana, o nível do rio chegou a 14,78m. Cerca de mil famílias estão em áreas consideradas de risco, localizadas em diferentes bairros da capital de Rondônia.

O coordenador de Proteção e Defesa Civil de Porto Velho, Marcelo Santos, pede atenção da comunidade, mas afirma que não há motivo para pânico. “Quando o rio ultrapassa 15 metros, já começa a inundar algumas casas. Nós já temos quais são, quem são, quem tem mais objetos em relação a facilitar o trabalho de retirada com caminhões. Isso aí é trabalhar preventivamente”, disse Santos.

O estado de alerta em Porto Velho tem vigência de 90 dias e representa o reconhecimento, pelo Poder Público, de uma situação atípica e tem como objetivo mobilizar todos os órgãos e entidades da administração pública.

Em 2014, a capital rondoniense registrou a maior cheia da série histórica, com a cota do Rio Madeira em 19,74m. A expectativa para este ano é que a cota fique entre 16m e 17m. Em caso de inundação, para solicitar apoio, a população deve ligar para o número 199.

Edição: Nádia Franco

 

Últimas Notícias

Brasil perdeu 7,2 milhões de linhas de celular no ano passado
Petrobras reduz em 3% GLP empresarial nas refinarias
Ministro do STJ nega pedido de prisão domiciliar a João de Deus
Escassez de chuvas leva governo a acionar termelétricas mais caras
Picciani, Paulo Melo e Albertassi serão julgados por Bretas
Suspensa permissão para deputada receber denúncias contra professores
MPT não descarta pedir bloqueio dos bens do Flamengo
Número de mortos identificados em Brumadinho chega a 151

MAIS NOTICIAS

 

Sul do Chile enfrenta 45 focos de incêndios florestais
 
 
Governo de Minas oferece suporte psicossocial às vítimas de Brumadinho
 
 
Força Nacional de Segurança começa a deixar o Ceará
 
 
Licitação de ônibus em São Paulo tem contratos de R$ 71 bi em 20 anos
 
 
Força Nacional vai atuar em Belém na primeira quinzena de março
 
 
Fiocruz alerta para agravamento de doenças na população após tragédia

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212