Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


26 de Mar de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Ensino de idiomas ganha novas metodologias - Jornal Brasil em Folhas
Ensino de idiomas ganha novas metodologias


Sem dúvida alguma, ser fluente em um segundo idioma é um diferencial no currículo. Em um mundo globalizado é muito comum que profissionais do mais variados segmentos precisem estar em contato com pessoas de outras nacionalidades em alguma reunião, ou fazendo negócios. Pensando em colocar os alunos de idiomas em contato com situações específicas, o Centro Europeu, uma das principais escolas de idioma e profissões da América Latina, tem realizado diversas aulas em lugares fora do “habitat natural”.

A ideia é ensinar o aluno de forma produtiva e focada nas experiências positivas. Segundo Ronaldo Cavalheri, diretor geral do Centro Europeu, foram desenvolvidas várias atividades complementares que tiram os alunos da sala de aula e os fazem circular em um ambiente criativo e estimulante. “Conectamos os alunos a outros universos que permitem aprimorar o idioma aprendido e ainda desenvolver outras habilidades relacionadas a gastronomia, moda, fotografia, artes entre outras que são de expertise da instituição, que possui estrutura adequada para isso”, explica Ronaldo.

O ambiente criado para este tipo de ação, contribui e muito para que esta metodologia tenha sucesso. A multiculturalidade possibilita a integração e o andamento das diversas atividades na instituição. Como por exemplo, aprender italiano em uma aula prática de pizza dentro do programa “Sabor na Ponta da Língua”, aprimorar o inglês em uma oficina de fotografia, ou até mesmo praticar o francês em um ateliê de moda, discutindo os grandes nomes do segmento. “Para os alunos é uma grande oportunidade de praticar a conversação, pois as aulas acontecem no idioma, além de aprimorar o vocabulário em diferentes áreas. Também destacamos o fato de explorar atividades que desenvolvem a criatividade do aluno que é essencial em qualquer área de atuação”, explica Ronaldo.

O fato das aulas serem práticas, e contarem com uma interação diferenciada, faz com que a aceitação entre os alunos seja satisfatória. Ou seja, todas as aulas práticas têm contado com um grande número de participantes, o que estimula a interação e a troca de experiências. “A aceitação por parte dos alunos é muito positiva, pois as aulas são totalmente práticas e prazerosas possibilitando o aprendizado de forma efetiva e natural e ainda agregando conhecimentos em áreas muito convidativas”, finaliza Ronaldo.

O Centro Europeu está presente nas cidades de Curitiba (PR), Ponta Grossa (PR) e Joinville (SC). Mais informações no site www.centroeuropeu.com.br.

 

Últimas Notícias

Jovens têm menos chance de contratação e mais de serem demitidos
Bolsa cai e dólar fecha em R$ 3,80
Araújo: dispensa de status especial na OMC nos coloca como país grande
Países sul-americanos devem sair de uma só vez da Unasul, diz ministro
Chanceler descarta emprego das Forças Armadas na Venezuela
Moçambique, Zimbábue e Malauí tentam identificar vítimas de ciclone
Nova Zelândia quer proibir, em abril, venda de armas do tipo militar
Conselho Europeu aceita prorrogar saída do Reino Unido para maio

MAIS NOTICIAS

 

Copom inicia reunião nesta terça para definir taxa básica de juros
 
 
Mercado reduz projeção de crescimento da economia de 2,28% para 2,01%
 
 
Atividade econômica tem queda de 0,41% em janeiro, diz BC
 
 
Governo lança edital de estudos para concessão de 22 aeroportos
 
 
Governo do Rio anuncia rompimento da concessão do Maracanã
 
 
Conflitos e segurança poderão contar pontos na avaliação de escolas

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212