Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


18 de Nov de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Separatistas assumem controle da sede do governo iemenita em Aden - Jornal Brasil em Folhas
Separatistas assumem controle da sede do governo iemenita em Aden


Forças separatistas assumiram neste domingo o controle da sede do governo em Aden, a segunda cidade mais importante do Iêmen, após intensos confrontos com o exército pró-governo, informaram fontes das forças de segurança.

Os combates deixaram pelo menos seis mortos e dezenas de feridos, segundo as mesmas fontes.

O primeiro-ministro do Iêmen, Ahmed ben Dagher, denunciou um golpe separatista e pediu a intervenção da coalizão liderada pela Arábia Saudita, presente na cidade, para evitar o caos.

Os confrontos com armas pesadas prosseguiam durante a tarde em vários bairros da cidade portuária do sul do país.

Os incidentes explodiram quando unidades do exército leal ao presidente Abd Rabo Mansur Hadi tentaram impedir que manifestantes separatistas entrassem na cidade para exigir a renúncia do governo.

Confrontos foram registrados entre militares governistas e forças de segurança favoráveis ao movimento separatista do sul, de acordo com as mesmas fontes.

Civis estão entre as vítimas, afirmaram fontes médicas.

Estão executando um golpe aqui em Aden contra (a autoridade) legítima, declarou o primeiro-ministro iemenita.

Esperamos que os Emirados Árabes Unidos e todos os membros da coalizão (árabe que atua no Iêmen em apoio ao governo) se ocupem desta crise, que segue para um confronto militar total. É a condição para salvar a situação, alertou Ben Dagher.

O Iêmen do Sul era um Estado independente antes da fusão com o Norte em 1990.

O Movimento Sulista (separatista) é muito influente e suas relações com o governo são tensas desde o ano passado, quando o Executivo se instalou em Aden depois de ter sido expulso em setembro de 2014 da capital, Sanaa, pelos rebeldes huthis, apoiados pelo Irã.

 

Últimas Notícias

Bolsonaro terá uma série de reuniões na próxima semana em Brasília
Com pênalti controverso, Brasil vence Uruguai por um a zero
Brasil está preparado para substituir médicos cubanos, afirma Temer
Chega a quatro número de vítimas das chuvas em Belo Horizonte
Estudantes poderão renovar o Fies até o dia 23
Massoterapeuta Dani Bumbum deixa prisão no Rio
Cervejas terão rótulos com os ingredientes usados na fabricação
Temporal causa mortes e estragos em BH; adolescente está desaparecida

MAIS NOTICIAS

 

Morre em Pelotas o criador da camisa canarinho, Aldyr Schlee
 
 
Brasil concentrou 40% dos feminicídios da América Latina em 2017
 
 
Jungmann e Toffoli anunciam sistema para unificar processos de presos
 
 
Pensamento liberal deve guiar a equipe econômica de Bolsonaro
 
 
Gold3-4 minutosfajn permanecerá à frente do BC até Senado aprovar Campos Neto
 
 
Senado argentino aprova orçamento de 2019 como prometeu ao FMI

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2019 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212