Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


19 de Nov de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Em última sessão no antigo plenário, vereadores aprovam alterações a PPA e a LOA - Jornal Brasil em Folhas
Em última sessão no antigo plenário, vereadores aprovam alterações a PPA e a LOA


Em sessão extraordinária, que marcou a última sessão no antigo plenário da Câmara, os vereadores de Aparecida de Goiânia aprovaram o projeto de lei nº02/18, que faz inclusões ao Plano Plurianual (PPA) e modificações à lei orçamentária anual (LOA), aprovados no ano passado.

O projeto apreciado prevê abarcamento de duas ações do PPA, em atenção a exigências de novos convênios estabelecidos com o Estado de Goiás (programa Goiás Mais Competitivo) e União, voltados às secretarias da Educação e Cultura e Saúde.

Já em relação a LOA, houve reestimativa de receita, promovida especialmente quanto ao Programa de Modernização da Administração Tributária (PMAT), repasses do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (FUNDEB), transferências ao Fundo Municipal de Saúde e ao Fundo Municipal de Assistência Social, bem como o reconhecimento de receitas do Fundo Municipal do Meio Ambiente.

Em síntese, para que se fizesse a readequação do orçamento do município, uma vez que a receita foi maior que o previsto, possibilitando assim a utilização desses recursos, o projeto foi aprovado por unanimidade pelos vereadores. Inclusive, houve um aumento do duodécimo, orçamento do poder legislativo, em R$ 3.739.314,45 (três milhões, setecentos e trinta e nove mil, trezentos e quatorze reais e quarenta e cinco centavos), que será revertido na construção da nova sede.

O secretário de Transparência, Fiscalização e Controle, Einsten Paniago, explanou sobre as alterações.

"Houve uma reestimativa de uma da receita em função de uma publicação no Diário Oficial da União, das transferências do Fundeb e reprogramação do PMAT, além da assinatura de convênios e de repasse com a União e com o Estado, após a conclusão da tramitação da Lei Orçamentária Anula 2018 ainda no exercício de 2017. Então, naturalmente, já tinha que ser realizado mudanças pra que a gente inicie 2018 possibilitando a execução desses ajustes, para encaminhar à União e ao Estado as votações próprias para recebimento destes repasses" pontuou Paniago.

Por ter sido realizada por autoconvocação, a sessão extraordinária não teve custos ao erário e, devido a mudança pra sede provisória, já na próxima semana, também marcou a despedida do antigo plenário do legislativo municipal.

 

Últimas Notícias

Submarino argentino é encontrado um ano e um dia após desaparecimento
Parlamento cubano rejeita resolução da Eurocâmara sobre direitos human
Incêndio da Califórnia registra 74 mortos e mais de mil desaparecidos
Livro mistura suspense e fantasia em reflexão sobre violência no país
EBC e Fundação Getulio Vargas firmam acordo para revitalizar acervo
Trabalho de escoramento em viaduto paulistano prossegue neste sábado
Belo Horizonte tem previsão de mais chuva; temporais já mataram quatro
Prefeito de Mariana diz que não desistirá de ação no Reino Unido

MAIS NOTICIAS

 

Morre em Pelotas o criador da camisa canarinho, Aldyr Schlee
 
 
Brasil concentrou 40% dos feminicídios da América Latina em 2017
 
 
Jungmann e Toffoli anunciam sistema para unificar processos de presos
 
 
Pensamento liberal deve guiar a equipe econômica de Bolsonaro
 
 
Gold3-4 minutosfajn permanecerá à frente do BC até Senado aprovar Campos Neto
 
 
Senado argentino aprova orçamento de 2019 como prometeu ao FMI

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2019 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212