Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


18 de Fev de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Coalizão árabe pede cessar-fogo imediato no Iêmen - Jornal Brasil em Folhas
Coalizão árabe pede cessar-fogo imediato no Iêmen


A coalizão liderada pela Arábia Saudita pediu nesta terça-feira um cessar-fogo imediato na cidade de Aden, sul do Iêmen, onde o governo e os rebeldes separatistas protagonizam violentos combates.

A coalizão renova seu apelo a todas as partes para um cessar-fogo imediato e pelo fim de todas as formas de conflito armado, afirma a aliança em um comunicado citado pela agência saudita SPA.

A coalizão afirma que vai tomar todas as medidas necessárias para restaurar a segurança e a estabilidade em Aden, completa a nota.

No texto, a aliança militar lamenta a falta de resposta dos dois lados a seus pedidos anteriores de moderação e calma.

Na segunda-feira, os combates com tanques e artilharia se tornaram mais intensos entre os separatistas do sul, que desejam a independência, e as tropas do governo do presidente Abd Rabbo Mansur Hadi.

O Comitê Internacional da Cruz Vermelha (CICV) informou que pelo menos 36 pessoas morreram e 185 ficaram feridas em dois dias de combates.

O movimento separatista do sul do Iêmen, que era um Estado independente até a fusão com o Norte em 1990, é muito poderoso.

Até maio de 2017 era aliado do presidente Hadi - respaldado por uma coalizão liderada pela Arábia Saudita - que estabeleceu o seu governo em Aden depois que foi expulso da capital Sanaa pelos rebeldes huthis - apoiados pelo Irã - em 2014.

Hadi está refugiado atualmente na Arábia Saudita.

 

Últimas Notícias

Brasil perdeu 7,2 milhões de linhas de celular no ano passado
Petrobras reduz em 3% GLP empresarial nas refinarias
Ministro do STJ nega pedido de prisão domiciliar a João de Deus
Escassez de chuvas leva governo a acionar termelétricas mais caras
Picciani, Paulo Melo e Albertassi serão julgados por Bretas
Suspensa permissão para deputada receber denúncias contra professores
MPT não descarta pedir bloqueio dos bens do Flamengo
Número de mortos identificados em Brumadinho chega a 151

MAIS NOTICIAS

 

Sul do Chile enfrenta 45 focos de incêndios florestais
 
 
Governo de Minas oferece suporte psicossocial às vítimas de Brumadinho
 
 
Força Nacional de Segurança começa a deixar o Ceará
 
 
Licitação de ônibus em São Paulo tem contratos de R$ 71 bi em 20 anos
 
 
Força Nacional vai atuar em Belém na primeira quinzena de março
 
 
Fiocruz alerta para agravamento de doenças na população após tragédia

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212