Assine Brasil em Folhas / Nuvem / Pressreader



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


22 de Oct de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade
 

...

...

 
Notícias
 Pai de siamesas agradece OVG e os goianos - Jornal Brasil em Folhas
Pai de siamesas agradece OVG e os goianos


Valdenir Neves Câmara, pai da gêmea siamesa Fernanda Neves Nascimento, de seis meses, recebeu a imprensa nesta terça-feira, dia 1º de março, na Casa do Interior, em Goiânia, unidade da Organização das Voluntárias de Goiás. Ele agradeceu o apoio que recebeu da unidade e do povo goiano antes e depois da cirurgia de separação de suas filhas Fernanda e Júlia, sendo que esta última não resistiu, dias após o procedimento, em decorrência de uma insuficiência cardíaca associada a uma hipertensão no pulmão. O encontro contou com a participação do cirurgião pediátrico Zacharias Calil, médico responsável pela cirurgia.

As siamesas nasceram em Itamaraju, no interior da Bahia, unidas pelo tórax e abdômen, e compartilhavam o fígado e uma membrana do coração. Por conta da condição delas, a família das meninas decidiu vir para Goiânia, em agosto do ano passado, para conseguir a cirurgia de separação que foi realizada no dia 13 de janeiro deste ano no Hospital Materno Infantil. A família está hospedada na Casa do Interior e na próxima segunda-feira, dia 7, retorna à sua terra natal.

Valdenir comentou que não queria ir embora sem fazer este agradecimento. “Fomos muito bem recebidos. Recebemos muito apoio do povo goiano,” diz. Ele revela que a ansiedade com o regresso é grande e que, agora, é voltar ao trabalho e cuidar para que Fernanda cresça uma criança saudável e feliz.

Vida normal

O cirurgião pediátrico Zacarias Calil informou que a menina poderá levar uma vida normal e que ela será acompanhada por uma pediatra na Bahia, devendo retornar a Goiânia em seis meses para uma avaliação. “Se não tivéssemos feito a cirurgia de separação, ela sobreviveria, no máximo, seis meses. Infelizmente, a Júlia, a irmã dela, nasceu com uma grave patologia cardíaca que colocava em risco a vida das duas. Fizemos de tudo para salvá-la também, mas não conseguimos”, disse.

Gerente da Casa do Interior, Joana D’arc Silva, revelou que toda a equipe da unidade se envolve e torce muito para que seus usuários possam voltar para casa bem e com saúde. “Ficamos com o coração apertado na hora da despedida e ao mesmo tempo felizes por ter ajudado uma família.”

Casa do Interior

Inaugurada em dezembro de 1968, a Casa do Interior funciona atualmente com 120 leitos e atende em média 220 usuários e 130 acompanhantes ao mês. São pessoas que vêm a Goiânia em busca de tratamento médico. Em 2015 e neste ano, a CIGO acolheu oito famílias de siameses.

A unidade oferece hospedagem sem ônus, conforto e dignidade aos pacientes em tratamento de saúde em Goiânia, disponibilizando alimentação, transporte dentro da capital e acompanhamento profissional de enfermeiros, psicólogos e assistentes sociais.

 

Últimas Notícias

Inscritos no Enem podem checar local de provas a partir de hoje
Após três quedas seguidas, dólar sobe e fecha o dia em R$ 3,72
Renan Filho: acordo para vender a Ceal depende de União quitar débitos
Riqueza das famílias brasileiras encolheu US$ 380 bilhões
Eletrobras deve liquidar Amazonas Energia, caso leilão fracasse
Dólar abre em queda de 0,52%, cotado a R$ 3,7028
Empresários da indústria estão mais confiantes, diz CNI
Preço da gasolina cai 2% nas refinarias a partir de amanhã

MAIS NOTICIAS

 

Equipe de transição deve ser definida hoje à tarde, diz Caiado
 
 
ONS vai reforçar ações de segurança energética nas eleições e no Enem
 
 
Inflação medida pelo INPC sobe para 0,30% em setembro
 
 
Universidades particulares terão disciplina sobre primeira infância
 
 
Com Enem, horário de verão começa no dia 18 de novembro
 
 
Governo anuncia recursos de R$ 600 milhões para o ensino médio

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212