Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


18 de Dez de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Pai de siamesas agradece OVG e os goianos - Jornal Brasil em Folhas
Pai de siamesas agradece OVG e os goianos


Valdenir Neves Câmara, pai da gêmea siamesa Fernanda Neves Nascimento, de seis meses, recebeu a imprensa nesta terça-feira, dia 1º de março, na Casa do Interior, em Goiânia, unidade da Organização das Voluntárias de Goiás. Ele agradeceu o apoio que recebeu da unidade e do povo goiano antes e depois da cirurgia de separação de suas filhas Fernanda e Júlia, sendo que esta última não resistiu, dias após o procedimento, em decorrência de uma insuficiência cardíaca associada a uma hipertensão no pulmão. O encontro contou com a participação do cirurgião pediátrico Zacharias Calil, médico responsável pela cirurgia.

As siamesas nasceram em Itamaraju, no interior da Bahia, unidas pelo tórax e abdômen, e compartilhavam o fígado e uma membrana do coração. Por conta da condição delas, a família das meninas decidiu vir para Goiânia, em agosto do ano passado, para conseguir a cirurgia de separação que foi realizada no dia 13 de janeiro deste ano no Hospital Materno Infantil. A família está hospedada na Casa do Interior e na próxima segunda-feira, dia 7, retorna à sua terra natal.

Valdenir comentou que não queria ir embora sem fazer este agradecimento. “Fomos muito bem recebidos. Recebemos muito apoio do povo goiano,” diz. Ele revela que a ansiedade com o regresso é grande e que, agora, é voltar ao trabalho e cuidar para que Fernanda cresça uma criança saudável e feliz.

Vida normal

O cirurgião pediátrico Zacarias Calil informou que a menina poderá levar uma vida normal e que ela será acompanhada por uma pediatra na Bahia, devendo retornar a Goiânia em seis meses para uma avaliação. “Se não tivéssemos feito a cirurgia de separação, ela sobreviveria, no máximo, seis meses. Infelizmente, a Júlia, a irmã dela, nasceu com uma grave patologia cardíaca que colocava em risco a vida das duas. Fizemos de tudo para salvá-la também, mas não conseguimos”, disse.

Gerente da Casa do Interior, Joana D’arc Silva, revelou que toda a equipe da unidade se envolve e torce muito para que seus usuários possam voltar para casa bem e com saúde. “Ficamos com o coração apertado na hora da despedida e ao mesmo tempo felizes por ter ajudado uma família.”

Casa do Interior

Inaugurada em dezembro de 1968, a Casa do Interior funciona atualmente com 120 leitos e atende em média 220 usuários e 130 acompanhantes ao mês. São pessoas que vêm a Goiânia em busca de tratamento médico. Em 2015 e neste ano, a CIGO acolheu oito famílias de siameses.

A unidade oferece hospedagem sem ônus, conforto e dignidade aos pacientes em tratamento de saúde em Goiânia, disponibilizando alimentação, transporte dentro da capital e acompanhamento profissional de enfermeiros, psicólogos e assistentes sociais.

 

Últimas Notícias

Receita paga hoje as restituições do último lote do IRPF 2018
Mercado mantém estimativa de inflação em 3,71% este ano
BC anuncia que atividade econômica cresce 0,02% em outubro
Embraer e Boeing aprovam termos para fusão
Leilão da Ceal é adiado para o dia 28 de dezembro
Tesouro quitou no ano R$ 4,19 bi de estados e municípios inadimplentes
Paulo Guedes diz que pretende cortar até 50% das verbas do Sistema S
Com intervenção do BC, dólar começa semana em queda

MAIS NOTICIAS

 

Paulo Guedes diz que pretende cortar até 50% das verbas do Sistema S
 
 
Documentos de Ghosn são recolhidos de apartamento em Copacabana
 
 
COP24: países definem regras para implementar Acordo de Paris
 
 
Crise na Nicarágua se agrava, diz Comissão de Direitos Humanos da OEA
 
 
Regulamentação do mercado de carbono será decidida somente na COP 25
 
 
Coreia do Norte adverte EUA que sanções podem impedir desnuclearização

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2019 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212