Assine Brasil em Folhas / Nuvem / Pressreader



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


20 de Sep de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade
 

...

...

 
Notícias
 PM atira em colega e o mata ao confundi-lo com criminoso em SP - Jornal Brasil em Folhas
PM atira em colega e o mata ao confundi-lo com criminoso em SP


Um policial militar de folga atirou em um colega de profissão, que também estava de folga, e o matou na manhã desta segunda-feira (29) após confundi-lo com um assaltante em Guarulhos, na Grande São Paulo.

Segundo informações das Polícias Militar e Civil, o soldado Altieres Souza da Silva, de 33 anos, lotado no 31º Batalhão de Polícia Militar Metropolitano (BPM/M), de Guarulhos, deixou um bar na Rua Tapajós, no Jardim Barbosa, por volta das 5h30, com uma arma nas mãos, acompanhado de outro policial do 31º BPM/M. Ambos estavam à paisana.

Os dois PMs se dirigiam aos seus respectivos veículos, que estavam estacionados próximo a uma drogaria na Avenida Paulo Faccini, quando foram vistos por um terceiro soldado da PM, lotado no 42º BPM/M, de Osasco, na região metropolitana de São Paulo. Do outro lado da via e sem fardamento, o terceiro policial achou que Silva fosse assaltar o estabelecimento, aproximou-se e se identificou como PM.

Ainda de acordo com a polícia, Silva se virou com sua arma em direção ao policial que o abordou. Este, então, efetuou disparos que atingiram o tórax do soldado. Ele foi socorrido pelo Corpo de Bombeiros e levado ao Hospital Geral de Guarulhos (HGG), mas não resistiu aos ferimentos e morreu.

Não foi divulgado se o policial que atirou no colega foi preso.

A Polícia Civil informou que o caso será investigado por meio de inquérito pelo 1° Distrito Policial (Centro) de Guarulhos. A corporação e a Secretaria da Segurança Pública (SSP) do Estado de São Paulo informaram que o registro da ocorrência ainda estava em andamento no fim da tarde desta segunda.

Testemunhas foram ouvidas, e a equipe policial busca por imagens e outras testemunhas que possam colaborar com as investigações, declarou a SSP, em nota.

Já a Polícia Militar instaurou um Inquérito Policial Militar (IPM) para apurar os fatos. A Corregedoria da PM também acompanha as investigações.

A arma que Silva portava, uma pistola .40, pertencia à Polícia Militar. Já a que foi usada na ocorrência, também de calibre 40, era de propriedade particular e foi apreendida pela Polícia Civil. O soldado que acompanhava Silva também carregava uma pistola .40 de posse da PM.

 

Últimas Notícias

Centro está preparado para lançamento de foguete após acidente
Cidades brasileiras integram programa de preservação de florestas
MP denuncia ex-marido de corretora assassinada no Rio
Bolsonaro segue estável e internado no Hospital Albert Einstein
Goiás entra para a elite dos Estados mais competitivos do País
Petrobras eleva gasolina em 2 centavos; diesel permanece inalterado
MME faz consulta sobre planejamento da transmissão de energia elétrica
Inadimplência do consumidor subiu 3,63% em agosto

MAIS NOTICIAS

 

Toffoli toma posse hoje na presidência do STF
 
 
Chanceler do Paraguai visita Brasil para negociar construção de pontes
 
 
Indústria recua em oito dos 15 locais pesquisados pelo IBGE em julho
 
 
Brasil amplia investimento em educação infantil, diz OCDE
 
 
México investiga caso de deputadas forçadas a renunciar
 
 
A série de ataques de 11 de Setembro completa 17 anos

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212