Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


18 de Nov de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Educação de Aparecida é inspiração para gestores - Jornal Brasil em Folhas
Educação de Aparecida é inspiração para gestores


O salto na qualidade da Educação em Aparecida de Goiânia tem atraído a atenção de governantes e gestores de todo o Brasil. Muito desse avanço é fruto do Programa Escola da Inteligência, adotado na Rede Municipal de Ensino pelo quinto ano consecutivo. Somente no ano passado, outras três autoridades estiveram em Aparecida para conhecer de perto o programa: o vereador de Macapá (Amapá) Eddy Clay, o deputado distrital Rodrigo Delmasso e o secretário executivo de Governo da Prefeitura de Teresina (PI), Sérgio Bandeira.
Desta vez, o secretário de Educação de Aparecida de Goiânia, Domingos Pereira, e a superintendente pedagógica, Vânia França, receberam o secretário de Governo de Ribeirão das Neves, Maurício Dutra, para apresentar os resultados da Escola da Inteligência. O programa foi idealizado pelo psiquiatra e escritor Augusto Cury, que produziu o material e cedeu os direitos autorais para tornar os livros mais acessíveis, com o objetivo de formar crianças emocionalmente saudáveis e cidadãos mais críticos.
“Muitos programas nos são apresentados sem aplicabilidade real; ficam só no campo das ideias e apenas no papel. Por isso, foi extremamente importante ter vindo aqui ver in loco o programa funcionando na prática, com resultados materializados e muito positivos”, avaliou Maurício Dutra. Em Aparecida de Goiânia, 31 mil estudantes já fizeram parte da Escola da Inteligência. Neste ano, o programa foi ampliado para atender 19 CMEIS, totalizando 11.130 alunos. Em todo o Brasil, 205 mil alunos, de instituições privadas e públicas de 25 estados, aprenderam com a Escola da Inteligência somente em 2015.
Com apenas uma hora/aula por semana, crianças aprendem a administrar a mente, a pensar antes de agir, a lidar com as emoções e a respeitar os outros. Entre os principais resultados, estão o salto na aprendizagem, redução da evasão escolar e melhoria no relacionamento entre professores, estudantes e familiares.
Na opinião do secretário Domingos Pereira, o principal mérito da Escola da Inteligência é a atração dos pais para o cotidiano de seus filhos. “A aplicação do programa atraiu a participação significativa da comunidade no dia a dia da vida escolar dos alunos”, comemora. A superintendente Vânia França destacou também o apoio do programa aos professores e, como consequência, a redução de atestados por doenças emocionais. Ela relatou ainda histórias de vida de professores e alunos que foram transformadas com os ensinamentos da Escola da Inteligência.
A diretora da Inteligência Educacional, que aplica o Programa Escola da Inteligência na rede pública de oito cidades brasileiras, Millena Araújo, acompanhou a visita e elogiou o empenho e a parceria firmada com Aparecida de Goiânia na aplicação do programa: “Devido à seriedade e à eficiência na gestão da Secretaria de Educação, Aparecida tornou-se um exemplo para o Brasil”.

Espelho

Assim como Aparecida de Goiânia, Ribeirão das Neves tem cerca de 500 mil habitantes e fica situada na Região Metropolitana de Belo Horizonte. É ainda considerada uma cidade dormitório e tem população predominantemente jovem, com 68% dos habitantes de até 25 anos, e altos índices de violência.
“O programa encaixa como uma luva em Ribeirão das Neves”, concluiu o secretário Maurício Dutra, após conferir aplicabilidade e resultados da Escola da Inteligência em Aparecida de Goiânia. “É um programa extremamente necessário, porque não adianta apenas boa informação, sem capacidade de interagir e se relacionar. O mais complexo e difícil é ensinar a se relacionar, a ter limites e respeitar o outro”, completou Maurício.
Segundo o secretário, há grande vontade política e interesse da Prefeitura em melhorar a educação do município mineiro. O programa seria o ideal porque “estimula o jovem a pensar, a se abrir e a refletir mais sobre a vida”.
Maurício Dutra também se encontrou com o presidente da Câmara Municipal de Aparecida de Goiânia, vereador Gustavo Mendanha, que também se considera um entusiasta da Escola da Inteligência. Em Goiânia, o secretário conheceu a sede da Inteligência Educacional e a equipe que faz capacitação de professores, palestras para pais e acompanhamento pedagógico durante a aplicação do programa.

 

Últimas Notícias

Bolsonaro terá uma série de reuniões na próxima semana em Brasília
Com pênalti controverso, Brasil vence Uruguai por um a zero
Brasil está preparado para substituir médicos cubanos, afirma Temer
Chega a quatro número de vítimas das chuvas em Belo Horizonte
Estudantes poderão renovar o Fies até o dia 23
Massoterapeuta Dani Bumbum deixa prisão no Rio
Cervejas terão rótulos com os ingredientes usados na fabricação
Temporal causa mortes e estragos em BH; adolescente está desaparecida

MAIS NOTICIAS

 

Morre em Pelotas o criador da camisa canarinho, Aldyr Schlee
 
 
Brasil concentrou 40% dos feminicídios da América Latina em 2017
 
 
Jungmann e Toffoli anunciam sistema para unificar processos de presos
 
 
Pensamento liberal deve guiar a equipe econômica de Bolsonaro
 
 
Gold3-4 minutosfajn permanecerá à frente do BC até Senado aprovar Campos Neto
 
 
Senado argentino aprova orçamento de 2019 como prometeu ao FMI

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2019 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212