Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


18 de Nov de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Agehab e Caixa sorteiam endereços do Residencial Itanhangá II, em Caldas Novas - Jornal Brasil em Folhas
Agehab e Caixa sorteiam endereços do Residencial Itanhangá II, em Caldas Novas


Maior empreendimento de interesse social de Caldas Novas e um dos maiores do interior do Estado, o Residencial Itanhangá II, é modelo e exemplo de método construtivo e de projeto de verticalização de moradias, que começa a ser adotado em outros países.

Com acompanhamento da Agência Goiana de Habitação (Agehab), a Caixa Econômica Federal realiza na próxima sexta-feira, dia 9, o sorteio presencial dos endereços de 768 apartamentos do Residencial Itanhangá II, que está em fase de conclusão em Caldas Novas. O sorteio será realizado às 9h30, no Ginásio de Esportes Agostinho Gonzaga de Menezes, nos fundos da Câmara Municipal. Os beneficiários estão sendo convocados para participar presencialmente do sorteio. Eles devem levar um documento de identidade e CPF.

O Residencial é fruto de parceria do Governo de Goiás, por meio da Agehab, com o governo federal e o município. A construção foi viabilizada com recursos do Cheque Mais Moradia e do Fundo de Arrendamento Residencial (FAR). O Itanhangá II é o maior empreendimento de interesse social de Caldas Novas e um dos maiores do interior do Estado, e reflete o empenho do governador Marconi Perillo em combater o déficit habitacional no Sul goiano.

O empreendimento conta com 768 apartamentos distribuídos em 64 blocos de três pavimentos, com apartamentos de 43 metros quadrados. O investimento total é de R$ 55 milhões, sendo R$ 11,5 milhões do Governo de Goiás, por meio do Cheque Mais Moradia, e R$ 43,5 milhões do governo federal.

Reconhecimento Internacional

Em dezembro último, a Ministra Secretária Executiva da Secretaria Nacional de Habitação do Paraguai, Maria Soledad Nuñez Mendez, visitou o Residencial Itanhangá II, acompanhada de comitiva da Agehab, para conhecer os métodos construtivos e os projetos de verticalização de moradias, que começa a ser adotada em seu país. Também foram visitados os residenciais Nelson Mandela e Jardins do Cerrado em Goiânia.

A disposição da ministra em conhecer os canteiros de obra da Agehab reflete a qualidade e o alcance social dos projetos de moradia implantados pelo Governo de Goiás. O emprego de técnicas avançadas e o modelo de parcerias têm sido referência para outros Estados e países, conquistando vários prêmios. No caso do Paraguai, a ministra disse que o interesse era fazer um estudo para adotar o modelo do Cheque Mais Moradia para incrementar as parcerias com o setor privado.

 

Últimas Notícias

Bolsonaro terá uma série de reuniões na próxima semana em Brasília
Com pênalti controverso, Brasil vence Uruguai por um a zero
Brasil está preparado para substituir médicos cubanos, afirma Temer
Chega a quatro número de vítimas das chuvas em Belo Horizonte
Estudantes poderão renovar o Fies até o dia 23
Massoterapeuta Dani Bumbum deixa prisão no Rio
Cervejas terão rótulos com os ingredientes usados na fabricação
Temporal causa mortes e estragos em BH; adolescente está desaparecida

MAIS NOTICIAS

 

Morre em Pelotas o criador da camisa canarinho, Aldyr Schlee
 
 
Brasil concentrou 40% dos feminicídios da América Latina em 2017
 
 
Jungmann e Toffoli anunciam sistema para unificar processos de presos
 
 
Pensamento liberal deve guiar a equipe econômica de Bolsonaro
 
 
Gold3-4 minutosfajn permanecerá à frente do BC até Senado aprovar Campos Neto
 
 
Senado argentino aprova orçamento de 2019 como prometeu ao FMI

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2019 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212