Assine Brasil em Folhas / Nuvem / Pressreader



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


23 de Feb de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade
 

...

...

 
Notícias
 Governo e oposição falham em acordar data de eleições na Venezuela - Jornal Brasil em Folhas
Governo e oposição falham em acordar data de eleições na Venezuela


O ex-presidente do governo espanhol José Luis Rodríguez Zapatero, o presidente da República Dominicana, Danilo Medina, e o ministro das Relações Exteriores dominicano, Miguel Vargas Maldonado, durante coletiva de imprensa em Santo Domingo, na República Dominicana, em 7 de fevereiro de 2018

O governo da Venezuela e a oposição fracassaram em sua tentativa de acordar uma data para as eleições presidenciais em um diálogo em Santo Domingo, anunciou nesta quarta-feira (7) o presidente dominicano, Danilo Medina, que indicou que o processo entra em um recesso indefinido.

Infelizmente desta vez não pudemos chegar a um acordo, mas temos a esperança de que as partes possam se encontrar em Caracas e produzir de novo aproximações que permitam se sentar e emitir um documento definitivo, declarou à imprensa Medina, após se reunir com o delegados da oposição venezuelana.

O presidente dominicano assegurou que as partes acordaram na terça-feira que a eleição, na qual o presidente Nicolás Maduro aspirará a um segundo mandato, será realizada em 22 de abril, após uma negociação em que o governo pedia que fosse 8 de março e a oposição 10 de junho.

Mas os delegados da oposição apresentaram, nesta quarta-feira, observações sobre o texto, que não foram detalhadas, enquanto Maduro disse que só assinará o documento que estava sobre a mesa na terça-feira, acrescentou Medina.

O diálogo entra aqui em uma espécie de recesso indefinido, acrescentou Medina, junto com o ex-presidente do governo espanhol José Luis Rodríguez Zapatero, facilitador do diálogo.

Segundo o presidente dominicano, apesar de não ter havido acordo, tanto o governo quanto a oposição comunicaram seu desejo de manter aberta a porta para o diálogo.

Não foi possível chegar a esse acordo, mas a República Dominicana continua aberta para o momento em que as partes possam se encontrar de novo, ressaltou.

Entre suas petições durante o processo, a oposição demandou a habilitação de partidos políticos que foram excluídos recentemente das eleições e a libertação de pessoas detidas, segundo Medina.

Para o governo se chegou, verbalmente, a um acordo nesses dois pontos, sob a mediação de Rodríguez Zapatero, disse Medina.

As eleições presidenciais foram antecipadas pela Assembleia Nacional Constituinte para antes de 30 de abril - sem data definida -, desconcertando uma oposição debilitada e dividida, que ainda não decidiu se irá a primárias ou se escolherá por consenso um candidato único.

 

Últimas Notícias

Superintendente da Caixa, Marise Fernandes, recebe Título de Cidadã Goiana
Iris Rezende: “Marconi deixou sua marca em todas as áreas administrativas”
Bolsa Universitária: abertas novas inscrições para 10 mil bolsas
Torcidas de Goiás e Vila se mobilizam para a doação de sangue
800 vigilantes penitenciários concluem curso e vão reforçar segurança em presídios
Governo de Goiás entrega mais um colégio de alto padrão no Entorno do DF
Goiás terá 10 mil agentes de saúde formados em técnico em enfermagem
Dois chefs de cozinha representam Goiás na disputa pela maior premiação da gastronomia brasileira

MAIS NOTICIAS

 

Ministro diz que Brasil mantém portas abertas para receber refugiados
 
 
Aprovação da reforma da Previdência é prioridade número um, diz Meirelles
 
 
Conselhos aprovam intervenção federal na segurança do Rio de Janeiro
 
 
Eunício determina que todas as PECs parem de tramitar no Senado
 
 
Maia anuncia criação de observatório para acompanhar ações de intervenção no RJ
 
 
Marun diz que não há como votar reforma da Previdência durante intervenção

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212