Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


10 de Dez de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Quito chama a consultas embaixador na OEA após medidas anti-referendo - Jornal Brasil em Folhas
Quito chama a consultas embaixador na OEA após medidas anti-referendo


O Equador convocou nesta quarta-feira (7) para consultas seu embaixador na Organização de Estados Americanos (OEA), incomodado com uma decisão da Comissão Interamericana de Direitos Humanos (CIDH), que impugna a destituição de funcionários de controle, aprovada em um referendo no domingo.

O ministério equatoriano de Relações Exteriores justificou em um comunicado a convocação ante o acionar incompreensível, pouco ético e contrário a procedimentos legais da CIDH, que pediu a adoção de medidas provisórias a favor dos funcionários em processo de remoção.

A CIDH e a Corte IDH fazem parte do sistema interamericano de direitos humanos que opera na Organização de Estados Americanos (OEA).

O primeiro organismo pediu à Corte IDH que suspenda a destituição dos sete membros do Conselho de Participação Cidadana e Controle Social (CPCCS), alegando que o referendo coloca em risco os princípios de separação dos poderes e de independência judicial.

Os equatorianos votaram a favor da reestruturação desse órgão encarregado de designar autoridades eleitorais, assim como procurador e controlador do Estado.

Dessa forma, o governo ficou habilitado para nomear novos conselheiros em meio da disputa desatada pelo governo, dividido entre o presidente Lenín Moreno e seu antigo aliado, o ex-presidente Rafael Correa.

Moreno, promotor do referendo que também eliminou a reeleição presidencial indefinida, expressou seu incômodo ao chefe da OEA, Luis Almagro, em um telefonema.

Lhe manifestei com clareza que assim como somos respeitosos dos organismos internacionais, faremos respeitar o mandato popular livremente expresso nas urnas, em um processo democrático e fielmente apegado à nossa Constituição, escreveu Moreno no Twitter.

Almagro respondeu pela mesma rede: Felicitamos o presidente @Lenin Moreno pela vitória eleitoral, e pelo compromisso democrático demonstrado pelo Povo e instituições do #Equador. Os instrumentos interamericanos estão a serviço justamente da democracia e dos povos.

 

Últimas Notícias

Petrobras demite funcionários com prisão decretada na Lava Jato
Porto de Santos movimenta 110 milhões de toneladas de carga em 2018
Alimentos da cesta básica estão mais caros em 16 capitais brasileiras
Vendas internas de veículos novos têm melhor resultado desde 2015
BNDES lança programa para atender startups
Mercosul e UE retomam negociação com expectativa de acordo até março
Poupança tem menor captação para meses de novembro em três anos
Toma posse diretoria da nova Agência Reguladora de Mineração

MAIS NOTICIAS

 

Moro reafirma “confiança pessoal” em Onyx
 
 
Após discussão, votação do Escola sem Partido em comissão é suspensa
 
 
Senado aprova projeto que congela distribuição de recursos do FPM
 
 
Crediário e cartão são os maiores responsáveis pela inadimplência
 
 
Balança comercial tem segundo melhor superávit para meses de novembro
 
 
Enel anuncia R$ 3,1 bi em distribuição de energia em São Paulo

 


 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2019 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212