Assine Brasil em Folhas / Nuvem / Pressreader



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


18 de Oct de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade
 

...

...

 
Notícias
 Acordo encerra disputa de sócios da Usiminas - Jornal Brasil em Folhas
Acordo encerra disputa de sócios da Usiminas


A conciliação da ítalo-argentina Ternium e a japonesa Nippon Steel, as sócias majoritárias da Usiminas, finalmente aconteceu. O acordo foi divulgado nesta quinta-feira (8) à noite por meio de um fato relevante da Usiminas e confirmado pelas partes. Dessa forma, as disputas em torno da gestão da siderúrgica mineira, que se arrastam desde 2014, devem ficar no passado.

O pacto para uma nova governança inclui alternância para a indicação do CEO e do presidente do conselho de administração (Chairman), assim como um novo mecanismo para indicação de outros membros da diretoria da Usiminas, além de um mecanismo que permite deixar o investimento na siderúrgica mineira, que divulga o balanço de 2017 nesta sexta-feira (9).

O direito de indicação do presidente (CEO) e do Chairman passa a ser alternado entre as duas sócias em intervalos de quatro anos, compreendendo dois períodos consecutivos de dois anos cada um, segundo o fato relevante.

Para os quatro anos iniciais, a Ternium terá o direito de indicar o CEO e a Nippon, o presidente do conselho de administração. Inicialmente, num consenso, ambas as sócias pretendem indicar Sergio Leite para CEO da Usiminas (ele já está no cargo) e Ruy Hirschheimer para presidente do conselho de administração, respectivamente.

A diretoria da Usiminas será composta por um total de seis membros, incluindo o CEO e cinco vice-presidentes). Cada uma das sócias indica três membros cada. As indicações vão ser feitas na eleição para diretoria da Usiminas, marcada para maio deste ano.

A Ternium, em nota, confirma o acordo que, conforme a empresa, é vinculante e tem efeito imediato.

A sócia japonesa confirma a informação. Entretanto, a nota oficial sobre o assunto só seria divulgada após o fechamento desta edição em razão do fuso horário japonês.

A briga entre Nippon e Ternium começou em 2014, quando o então presidente, o argentino Julian Eguren, foi destituído e substituído por Rômel de Souza. Desde então, as sócias travam disputas que chegaram na Justiça.

Ações suspensas. Como parte do acordo, Ternium e Nippon darão todos os passos necessários para terminar ou resolver amigavelmente todas as disputas judiciais e administrativas pendentes.


 

Últimas Notícias

BNDES empresta R$ 30 milhões para empresa de água de Manaus
Comércio do Rio poderá contratar 10,3 mil temporários para o natal
Aneel aprova reajuste de tarifa a consumidores de GO e interior de SP
Petrobras e chinesa CNPC avançam em acordo para retomar Comperj
Aprovado pela Aneel, aumento nas contas de luz da CEB está suspenso
BNDES dá início a processo de privatização de companhia elétrica do AP
Dólar fecha em queda e Bovespa sobe 2,83%
Senado rejeita projeto sobre venda de distribuidoras da Eletrobras

MAIS NOTICIAS

 

Equipe de transição deve ser definida hoje à tarde, diz Caiado
 
 
ONS vai reforçar ações de segurança energética nas eleições e no Enem
 
 
Inflação medida pelo INPC sobe para 0,30% em setembro
 
 
Universidades particulares terão disciplina sobre primeira infância
 
 
Com Enem, horário de verão começa no dia 18 de novembro
 
 
Governo anuncia recursos de R$ 600 milhões para o ensino médio

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212