Assine Brasil em Folhas / Nuvem / Pressreader



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


19 de Apr de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade
 

...

...

 
Notícias
 DNIT terceiriza conserto de rodovias - Jornal Brasil em Folhas
DNIT terceiriza conserto de rodovias


Brasília. Sem dinheiro para fazer investimentos, o governo federal já se prepara para oferecer para a iniciativa privada trechos de rodovias com a obrigação apenas de fazer a manutenção e a restauração das estradas federais. Ou seja, as empresas ficariam responsáveis por operações simples de tapa-buracos e sinalização de rodovias, sem precisar investir quantias bilionárias em duplicações e obras de grande porte. Em troca, cobrariam pedágio.

A reportagem da Agência Estado apurou que os primeiros editais ficam prontos em até 60 dias, para entrar em consulta pública entre abril e maio. Inicialmente serão licitados três lotes, cujos trechos somam mil km de extensão. São estradas que já estão prontas e receberam obras recentes do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT). Em junho, os editais devem ser enviados ao Tribunal de Contas da União (TCU) que a licitação ocorra no segundo semestre.

As informações foram confirmadas pelo diretor-geral do Dnit, Valter Casimiro. “O modelo vai permitir que as estradas continuem a oferecer um bom estado de trafegabilidade, sem aumentar os custos para a União”.

O estado precário de boa parte das estradas brasileiras é considerado um entrave para o crescimento econômico. Segundo pesquisa da Confederação Nacional dos Transportes (CNT), 61,8% das rodovias nacionais são consideradas regulares, ruins ou péssimas. Hoje esse trabalho de manutenção é realizado exclusivamente pelo Dnit, órgão do Ministério dos Transportes responsável por cuidar dos 55 mil quilômetros de estradas federais do país.

O problema é que o Dnit viu seu orçamento encolher de R$ 9 bilhões em 2017 para R$ 8,2 bilhões neste ano.

Para se ter uma ideia, em 2011, o Dnit chegou a executar mais de R$ 14,7 bilhões. Do total previsto para 2018, R$ 3,9 bilhões serão utilizados para os serviços de manutenção da malha, enquanto o mínimo necessário para realizar essa tarefa seria de R$ 6 bilhões. Levantamento do órgão aponta que, dos 55 mil km, 25 mil km podem ser passados à iniciativa privada.

 

Últimas Notícias

Um milhão de indígenas buscam alternativas para sobreviver
Seesp promove encontro de representantes das sedes do Jimi 2018
Agência de Transportes Aquaviários aprova estudos para leilões de terminais no Porto de Cabedelo
Hospital de Trauma de Campina Grande promove Curso de Atualização em Feridas e Curativos
Concurso da Polícia Militar e Corpo de Bombeiros tem quase 80 mil inscritos
Corpo de Bombeiros inicia Curso de Atendimento à Tentativa de Suicídio
Cuité e Esperança sediam audiências do ODE nesta sexta e sábado
Governo realiza programação do “Abril Verde” com ações preventivas de acidentes de trabalho

MAIS NOTICIAS

 

Miguel Díaz-Canel se prepara para substituir Raúl Castro em Cuba
 
 
Dividido, Conselho de Segurança da ONU buscará convergência em fazenda sueca
 
 
Piloto que pousou avião de emergência virou heroína nos EUA
 
 
TRF4 nega a Lula último recurso em segunda instância
 
 
Polícia faz busca e apreensão na Porsche e na Audi por Dieselgate
 
 
Aviões americanos ainda podem sobrevoar a Rússia, diz Moscou

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212