Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


22 de Fev de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Ministro atende a pedido da PGR e revoga medidas cautelares de Gustavo Ferraz - Jornal Brasil em Folhas
Ministro atende a pedido da PGR e revoga medidas cautelares de Gustavo Ferraz


Atendendo a pedido da procuradora-geral da República, Raquel Dodge, o ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), revogou, em parte, as medidas cautelares impostas a Gustavo Pedreira do Couto Ferraz, ex-diretor geral da Defesa Civil de Salvador (BA). Ele é acusado de lavagem de dinheiro no Inquérito (INQ) 4633, investigação que apura os R$ 51 milhões encontrados em imóvel que seria usado pelo ex-ministro Geddel Vieira Lima.

Foram revogadas as seguintes medidas: prisão domiciliar; vedação da utilização de telefones e de internet; impedimento ao exercício de qualquer função pública; monitoramento eletrônico; e pagamento de fiança no valor de cem salários mínimos. O ministro Edson Fachin manteve, no entanto, a proibição de o acusado manter contato, por qualquer meio de comunicação, com os demais indiciados no inquérito.

O relator explicou que determinou as restrições com a finalidade de assegurar o êxito das apurações da maneira menos onerosa possível ao investigado, porém, no curso das investigações, além de Gustavo ter adotado comportamento compatível com a postura de quem pretende colaborar com a investigação, não houve qualquer ato recente ou conversa contemporânea com os principais autores dos ilícitos, tanto que não foi imputado a ele o crime de associação criminosa.

O acusado foi preso preventivamente em setembro de 2017 pelo juízo da 10ª Vara Federal do Distrito Federal, com base na perícia que revelou suas impressões digitais no material encontrado no apartamento supostamente usado por Geddel Vieira Lima. Em outubro, o ministro Edson Fachin substituiu a prisão preventivas pelas medidas cautelares.

 

Últimas Notícias

Brasil perdeu 7,2 milhões de linhas de celular no ano passado
Petrobras reduz em 3% GLP empresarial nas refinarias
Ministro do STJ nega pedido de prisão domiciliar a João de Deus
Escassez de chuvas leva governo a acionar termelétricas mais caras
Picciani, Paulo Melo e Albertassi serão julgados por Bretas
Suspensa permissão para deputada receber denúncias contra professores
MPT não descarta pedir bloqueio dos bens do Flamengo
Número de mortos identificados em Brumadinho chega a 151

MAIS NOTICIAS

 

Sul do Chile enfrenta 45 focos de incêndios florestais
 
 
Governo de Minas oferece suporte psicossocial às vítimas de Brumadinho
 
 
Força Nacional de Segurança começa a deixar o Ceará
 
 
Licitação de ônibus em São Paulo tem contratos de R$ 71 bi em 20 anos
 
 
Força Nacional vai atuar em Belém na primeira quinzena de março
 
 
Fiocruz alerta para agravamento de doenças na população após tragédia

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212