Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


21 de Jan de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Bloco dos Dinossauros Nacionais sacode o Largo de São Francisco, no Rio - Jornal Brasil em Folhas
Bloco dos Dinossauros Nacionais sacode o Largo de São Francisco, no Rio


Criado em 2011 por antigos alunos da Faculdade Nacional de Direito da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), o bloco Dinossauros Nacionais saiu hoje (12) no Largo de São Francisco, centro da capital fluminense. Os integrantes se autodenominam dinossauros, porque nasceram no século passado, e nacionais, por causa da faculdade.

O bloco inseriu mais músicas novas no repertório. “Temos novidades e a expectativa de público maior para este ano. No ano passado, o bloco reuniu quase 8 mil pessoas e neste ano teve uma divulgação melhor. Por isso, acreditamos que será mais animado agora”, disse à Agência Brasil o diretor e fundador do bloco Marcos Chehab.

Composições de Eduardo Dussek, Titãs, e Gilberto Gil deram toque especial ao carnaval dos Dinossauros. A banda tem 30 pessoas na bateria, com participação de pelo menos 15 mulheres. “Elas estão dominando o Dinossauros, afirmou Chehab.

O tema deste ano é Você Não Soube me Amar, do grupo Blitz, que traz um protesto bem-humorado contra o prefeito Marcelo Crivella ”que não está amando o carnaval do Rio como deveria”, afirmou Marcos Chehab.

Apesar das críticas à prefeitura, que determinou que os blocos terminem às 22h, sob pena de terem o carro de som apreendido, o fundador do Dinossauros Nacionais avaliou que isso não acaba com a espontaneidade do carnaval carioca. “Ainda assim, (o carnaval) não deixa de ser irreverente”, afirmou.

Adesão

O dentista Juan Vargas, morador em Niterói, região metropolitana do Rio de Janeiro, acompanhou com a namorada Gláucia o Dinossauros pela primeira vez, e adorou. “É o primeiro ano, e eu nunca mais vou deixar de vir”, prometeu.

Na concentração do bloco, o presidente da Caixa de Assistência dos Advogados do Estado do Rio de Janeiro (Caarj), Marcello Oliveira, aproveitou para divulgar a campanha contra o assédio às mulheres no carnaval, intitulada Não Brinque Com Os Meus Direitos. “A ideia é mostrar para a população que o carnaval tem vez, que a gente tem que brincar, mas respeitando o direito de todos”, destacou.

O administrador de empresas Ricardo Viana também fez sua estreia no Dinossauros este ano, acompanhado dos filhos de 12 anos, 3 anos e sete meses de idade. “Vou voltar”, assegurou.

Edição: Maria Claudia

 

Últimas Notícias

Inep divulga resultado do Enem
Frédéric Lamotte é o novo diretor geral da CA Indosuez Wealth (Miami) e responsável Global da região das Américas
A ACIRLAG chega para impulsionar o setor econômico da região Leste de Aparecida
Inep divulga notas do Enem na sexta-feira
Bolsonaro sanciona Lei do Orçamento 2019 de mais de R$ 3,3 trilhões
Parlamento venezuelano aprova acordo para entrada de ajuda humanitária
Imigrantes hondurenhos sofrem com obstáculos para passagem de caravana
Militares vão atuar de forma mais intensa no Programa Mais Médicos

MAIS NOTICIAS

 

ANP aprova credenciamento de empresa certificadora
 
 
Política de combate à inflação foi bem-sucedida, diz presidente do BC
 
 
Marcos Pontes: fusão de Embraer e Boeing preserva interesses do país
 
 
Número de linhas de celular tem maior queda do ano em novembro
 
 
ANP: Petrobras pede prazo maior para definir quais campos vai explorar
 
 
Ex-presidente do Banco Central defende política econômica do governo

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212