Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


20 de Nov de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Cresce número de pedidos de informações com base na LAI - Jornal Brasil em Folhas
Cresce número de pedidos de informações com base na LAI


Os requerimentos de dados do poder público estadual com base na Lei de Acesso à Informação (LAI) tiveram crescimento no primeiro bimestre de 2016, conforme aponta relatório do Sistema de Gestão de Ouvidoria da Controladoria-Geral do Estado. No total foram 769 pedidos, sendo 362 em janeiro e 407 em fevereiro. Os números indicam que os cidadãos estão mais interessados em obter dados e informações do governo por meio da Lei de Acesso e também que confiam que seus pleitos serão acatados e respondidos pelos órgãos/entidades.

No mês de fevereiro, os principais assuntos que levaram as pessoas a registrarem pedidos de dados com base na LAI foram nas áreas de trânsito (multas, habilitação de motoristas e transferência de veículos); receita estadual (orientação tributária e serviços diversos) e questões de servidor público (concursos/meritocracia e plano de saúde Ipasgo). Os dez órgãos mais demandados foram Detran, Universidade Estadual de Goiás, Secretaria da Fazenda, Secretaria da Educação, Agetop, Agência Goiana de Habitação, Secretaria de Gestão e Planejamento, Junta Comercial, Secretaria de Segurança Pública e Administração Penitenciária e Ipasgo. Também em fevereiro, dos 407 pedidos LAI registrados, 257 já foram respondidos e 150 estão em andamento. O prazo médio para ofertas das respostas é de 14 dias.

Atendimentos

Em fevereiro, o Sistema de Gestão de Ouvidoria da CGE registrou 3.144 manifestações da população, das quais 1.402 tiveram respostas imediatas por meio de telefone e outras 1.742 (incluindo os pedidos LAI) se transformaram em processos que demandam diligências e mais tempo para respostas. Do total de manifestações (3.144), 2.479 já foram finalizadas e outras 665 estão em andamento. Nos dois primeiros meses de 2016, a Ouvidoria Geral já contabiliza 6.411 atendimentos da população. Os órgãos mais demandados em fevereiro foram Ipasgo, Secretaria da Fazenda, Secretaria de Gestão e Planejamento, Detran, Secretaria da Educação, Secretaria de Segurança Pública e Universidade Estadual de Goiás.

Todos os cidadãos podem utilizar os serviços do Sistema de Gestão de Ouvidoria para interlocução com o Governo do Estado. Os tipos de manifestação podem ser reclamações, denúncias, sugestões, críticas, pedidos gerais de informações, elogios e pedidos de dados com base na LAI. Os canais disponíveis são: Serviço de Atendimento Presencial ao Usuário, em todas as unidades do Vapt Vupt em Goiânia e no interior; pelos telefones 162 e 0800 621513; site da Controladoria Geral do Estado (www.cge.go.gov.br; e-mail [email protected]; os portais dos órgãos/entidades do governo estadual que disponibilizam o link da Ouvidoria; por meio de carta; pelo aplicativo para smartphone Vapt Vupt Virtual e também na Ouvidoria Digital, baixando o Aplicativo (APP) no Google Play – Android, digitando CGEGO.

 

Últimas Notícias

Estimativa do mercado para inflação cai pela quarta vez seguida
Autoridades de Cuba anunciam retorno de médicos antes do fim do ano
Guatemala monitora atividades de vulcão que pode ter novas erupções
Marcelo Piloto é extraditado do Paraguai para o Brasil
Ex-CEO da Nissan é preso no Japão suspeito de reduzir próprio lucro
Governador eleito do Rio promete nova concessão para o Maracanã
Relatório alerta que há 45 barragens sob ameaça de desabamento
Relatório alerta que há 45 barragens sob ameaça de desabamento

MAIS NOTICIAS

 

Estimativa do mercado para inflação cai pela quarta vez seguida
 
 
Autoridades de Cuba anunciam retorno de médicos antes do fim do ano
 
 
Guatemala monitora atividades de vulcão que pode ter novas erupções
 
 
Ex-CEO da Nissan é preso no Japão suspeito de reduzir próprio lucro
 
 
Governador eleito do Rio promete nova concessão para o Maracanã
 
 
Relatório alerta que há 45 barragens sob ameaça de desabamento

 


 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2019 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212