Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


14 de Nov de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Sobe para três o número de mortes no Rio por causa de temporal - Jornal Brasil em Folhas
Sobe para três o número de mortes no Rio por causa de temporal


Com a confirmação da morte de um policial militar pelo Corpo de Bombeiros, sobe para três o número de mortos em consequência do temporal que atingiu o Rio de Janeiro entro o fim da noite dessa quarta-feira (14) e a madrugada desta quinta (15).

Segundo o Corpo de Bombeiros, o policial militar (PM) Nilsimar Santos, de 48 anos, dirigia seu carro pela Rua Recife, em Realengo, na zona oeste, quando foi atingindo por uma árvore que desabou sobre o veículo.

Nilsimar trabalhava no batalhão do bairro do Méier, na zona norte, e estava indo para a sua casa, quando ocorreu a tragédia, por volta de 1h desta madrugada.

As outras duas mortes ocorreram em Quintino Bocaiúva, na zona norte da cidade, devido a um desabamento na Rua Olina. As vítimas morreram no local. Elas foram identificadas como Marcos Garcia, de 59 anos, e Judina Magalhães, de 62 anos

A zona norte é uma das mais atingidas pela tempestade - a outra foi a zona oeste. Falta luz em parte da capital fluminense e há engarrafamentos nas principais vias expressas.

Um trecho da ciclovia Tim Maia, entre São Conrado e Barra da Tijuca, na zona sul, desabou perto da saída do Túnel do Joá em consequência das fortes chuvas. Funcionários da prefeitura do Rio dirigiram-se ao local para interditar a via. Em 2016, uma ressaca derrubou um trecho da mesma ciclovia, matando duas pessoas. Desta vez, não há informações sobre vítimas.

Em consequência da chuva e dos fortes ventos, um dirigível caiu sobre a via férrea e interrompeu o tráfego de trens no ramal de Santa Cruz. A Avenida Brasil está com trânsito interrompido no sentido centro, por causa da queda de uma árvore e de um painel publicitário, na altura de Ramos, na zona norte.

A Linha Vermelha chegou a ter seu trânsito interrompido e a Linha Amarela está alagada, na altura da Abolição, na zona norte Os BRTs Transcarioca e Transoeste operam com problemas.

Há informações sobre alagamentos e desabamentos. O 9º BPM, em Rocha Miranda, na zona norte, teve seu pátio alagado, assim como diferentes trechos da cidade. O Hospital Lourenço Jorge, na Barra da Tijuca, na zona oeste, também foi invadido pela água.

 

Últimas Notícias

Nordeste perdeu 1 milhão de trabalhadores no campo de 2012 para 2017
IBGE prevê em 2019 safra de grãos 0,2% menor que a de 2018
Safra de grãos pode chegar a 238,3 milhões de toneladas, diz Conab
Banco do Brasil tem lucro de 14,3% no terceiro trimestre
Percentual de inadimplentes recua em outubro, diz CNC
Boletos vencidos de todos os tipos serão pagos em qualquer banco
Leonardo de Morais toma posse na presidência da Anatel
Natal deve movimentar R$ 53,5 bilhões na economia do país, prevê SPC

MAIS NOTICIAS

 

No Congresso, Temer defende reuniões frequentes entre Poderes
 
 
Bolsonaro reafirma, no Congresso, compromisso com a Constituição
 
 
Bolsonaro critica Enem e diz que prova deve cobrar conhecimentos úteis
 
 
Governo de transição dividiu trabalhos por temas em dez frentes
 
 
Para ministro, é “mais simples” unir MEC com Ciência e Tecnologia
 
 
Bolsonaro e Temer iniciam hoje formalmente governo de transição

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2019 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212