Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


19 de Fev de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Opep quer aliança mais longa com não membros do cartel, dizem Emirados Árabes - Jornal Brasil em Folhas
Opep quer aliança mais longa com não membros do cartel, dizem Emirados Árabes


A Organização de Países Exportadores de Petróleo (Opep) quer alcançar um acordo mais longo com produtores não membros do cartel até o fim deste ano, disse o ministro de Energia dos Emirados Árabes Unidos, Suhail al-Mazrouei, à imprensa local nesta quinta-feira (15).

Mazrouei, que atualmente ocupa a presidência rotativa da Opep, afirmou que seu governo tem como meta estabelecer um rascunho de acordo, numa entrevista publicada pelo The National.

O objetivo, disse o ministro, é este grupo ficar unido por um período mais longo.

Líder da Opep, a Arábia Saudita falou em estender a cooperação entre o cartel de 14 membros e produtores independentes após um acordo com a Rússia e outras nações para controlar a produção e elevar os preços.

Foi o primeiro convite explícito de Riade para uma cooperação mais longa entre membros e não membros da Opep. Ele foi feito quando o preço do barril superou 70 dólares - após despencar a menos de 30 dólares no começo do ano passado.

Os produtores celebraram o corte de 1,8 milhão de barris por dia como um grande impulso aos mercados petroleiros.

Mazrouei disse em janeiro que o número de produtores independentes que participam do acordo foi elevado a 16 países, em vez dos dez originais.

Líder entre os países de fora da Opep, a Rússia parece menos engajada com a ideia de formar um grupo permanente.

O ministro russo de Energia, Alexander Novak, disse em janeiro que a cooperação até então foi um experimento bem sucedido, mas acrescentou que ações mútuas entre países da Opep ou não poderiam ser continuadas num formato de consultas.

 

Últimas Notícias

Brasil perdeu 7,2 milhões de linhas de celular no ano passado
Petrobras reduz em 3% GLP empresarial nas refinarias
Ministro do STJ nega pedido de prisão domiciliar a João de Deus
Escassez de chuvas leva governo a acionar termelétricas mais caras
Picciani, Paulo Melo e Albertassi serão julgados por Bretas
Suspensa permissão para deputada receber denúncias contra professores
MPT não descarta pedir bloqueio dos bens do Flamengo
Número de mortos identificados em Brumadinho chega a 151

MAIS NOTICIAS

 

Sul do Chile enfrenta 45 focos de incêndios florestais
 
 
Governo de Minas oferece suporte psicossocial às vítimas de Brumadinho
 
 
Força Nacional de Segurança começa a deixar o Ceará
 
 
Licitação de ônibus em São Paulo tem contratos de R$ 71 bi em 20 anos
 
 
Força Nacional vai atuar em Belém na primeira quinzena de março
 
 
Fiocruz alerta para agravamento de doenças na população após tragédia

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212