Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


18 de Fev de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Secretário de Segurança do Rio de Janeiro pede exoneração - Jornal Brasil em Folhas
Secretário de Segurança do Rio de Janeiro pede exoneração


Menos de quatro horas depois do presidente Michel Temer (MDB) assinar o decreto que instituiu a intervenção federal no Estado do Rio e transferiu ao general Walter Souza Braga Netto o comando da segurança pública no Estado, o secretário estadual de Segurança do Rio, Roberto Sá, pediu exoneração do cargo. Ele protocolou o pedido às 17h desta sexta-feira, 16, perante a Secretaria de Casa Civil e Desenvolvimento Econômico, segundo a pasta da Segurança, que divulgou nota no Twitter. Até 18h30, o governo do Estado não havia se manifestado sobre o pedido.

Junto com o comandante da Polícia Militar, Wolney Dias, e representantes dos bombeiros e da secretaria estadual de Administração Penitenciária, Sá se reuniu com o governador Luiz Fernando Pezão (MDB) e havia colocado seu cargo à disposição.

Fui o criador do RAS (Regime Adicional de Serviço), do sistema de metas, das RISP (Regiões Integradas de Segurança Pública) e um dos precursores das UPPs (Unidade de Polícia Pacificadora). Só que acabou o dinheiro e a gente continuou até porque o Rio merecia. Essa necessidade de, no momento mais crítico da história do país e do Rio de Janeiro financeiramente, evitar o mal maior, o que foi evitado: greves foram evitadas, caos maiores foram evitados, para agora poder fazer uma transição e passar para um momento de melhora, afirmou o Roberto Sá ao jornal RJTV1, da TV Globo.

 

Últimas Notícias

Governadores pedem ao STF julgamento de processos sobre repasses
Ministro quer atrair investimentos privados para Jardim Botânico do RJ
Fies vai oferecer 100 mil vagas a juro zero para alunos de baixa renda
TJ libera R$ 13 milhões para Vale ressarcir gastos do governo mineiro
Vale pede mais tempo para analisar Termo de Ajuste Preliminar
Deputados do Rio presos podem ter posses suspensas
Vale suspende operação em barragem em Brucutu e de mina em Brumadinho
TRE-RJ mantém ex-deputado Paulo Melo inelegível até 2024

MAIS NOTICIAS

 

Sul do Chile enfrenta 45 focos de incêndios florestais
 
 
Governo de Minas oferece suporte psicossocial às vítimas de Brumadinho
 
 
Força Nacional de Segurança começa a deixar o Ceará
 
 
Licitação de ônibus em São Paulo tem contratos de R$ 71 bi em 20 anos
 
 
Força Nacional vai atuar em Belém na primeira quinzena de março
 
 
Fiocruz alerta para agravamento de doenças na população após tragédia

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212