Assine Brasil em Folhas / Nuvem / Pressreader



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


26 de Sep de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade
 

...

...

 
Notícias
 Operação Bereré analisa documentos sobre esquema de desvios no Detran de MT - Jornal Brasil em Folhas
Operação Bereré analisa documentos sobre esquema de desvios no Detran de MT


A Polícia Civil e o Ministério Público de Mato Grosso continuam as investigações sobre desvio de recursos no Departamento de Trânsito (Detran) do estado. De acordo com a apuração, cerca de 90% do valor da cobrança por serviços de cadastro e informatização de dados eram repassados a uma organização criminosa que atuou no esquema entre 2009 e 2014.

Policiais e promotores analisam documentos coletados durante o cumprimento de mandados de busca e apreensão executados nessa segunda-feira (19). O Ministério Público chegou a pedir a prisão temporária dos acusados, mas o pedido foi negado pela Justiça.

Ainda não há um cálculo sobre o total desviado, mas os promotores afirmam que o esquema de corrupção era milionário e envolvia cerca de 50 pessoas, com diferentes atribuições.

Os líderes do esquema, segundo a investigação, eram os deputados estaduais Eduardo Botelho, presidente da Assembleia Legislativa do Estado, e Mauro Savi, ambos do PSB. Hoje (20), Savi negou qualquer envolvimento no esquema durante sessão da Comissão Parlamentar de Inquérito que ele preside e que apura desvios nos fundos do governo.

Também nesta terça-feira, Botelho concedeu uma entrevista coletiva para negar envolvimento com o esquema denunciado na Operação Bereré. O presidente da Assembleia Legislativa reconheceu, no entanto, que foi sócio de umas empresas beneficiadas até 2012 e sabia das irregularidades.

“Em julho de 2012 eu realmente saí porque eu não estava sentido, sabia que estava errado isso, e não estava me sentindo bem. Infelizmente eu demorei a sair, devia ter saído naquele momento. Foi um erro que cometi na minha vida. Reconheço esse erro que vem me atormentando”, admitiu.

O ex-deputado federal Pedro Henry também é acusado de fazer parte do núcleo de liderança do esquema, mas acusa os denunciantes de darem informações falsas e superficiais. Os principais delatores são o ex-governador de Mato Grosso Silval Barbosa e o ex-diretor do Detran do estado Teodoro Lopes. Ambos também são apontados como integrantes do núcleo de liderança.

Edição: Luana Lourenço

 

Últimas Notícias

Empresários brasileiros apostam em alimentos e bebidas saudáveis
Temporal no RS deixa mais de 360 mil residências sem luz
Livro aborda mentiras contadas por presidentes do Brasil em 100 anos
Setor da cachaça lança manifesto contra carga tributária
Polícia busca PM sequestrado por criminosos na zona oeste do Rio
Bolsonaro passa bem e tem dreno retirado do abdome
PM encontra carro de policial sequestrado no Rio
Festival de Brasília termina hoje com entrega de premiações

MAIS NOTICIAS

 

Toffoli toma posse hoje na presidência do STF
 
 
Chanceler do Paraguai visita Brasil para negociar construção de pontes
 
 
Indústria recua em oito dos 15 locais pesquisados pelo IBGE em julho
 
 
Brasil amplia investimento em educação infantil, diz OCDE
 
 
México investiga caso de deputadas forçadas a renunciar
 
 
A série de ataques de 11 de Setembro completa 17 anos

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212