Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


15 de Nov de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Iris Rezende: “Marconi deixou sua marca em todas as áreas administrativas” - Jornal Brasil em Folhas
Iris Rezende: “Marconi deixou sua marca em todas as áreas administrativas”


Ao participar, na tarde desta quarta-feira (21/2), do lançamento do livro Coletâneas do Planejamento de Goiás - 1961 a 2018, no Palácio Pedro Ludovico Teixeira, o prefeito de Goiânia, Iris Rezende, ex-governador de Goiás, afirmou que Marconi deixou suas marcas em todas as áreas administrativas. “O senhor completa 16 anos de governo, e deixa sua marca em todas as áreas. Quero agradecê-lo por esse momento que me honra muito”, disse.

A obra aborda desde a gestão do ex-governador Mauro Borges a atual administração de Marconi. Iris afirmou que cada gestor honrou e dignificou o Estado, mas nem sempre isso é reconhecido. “E Marconi entendeu em destacar esse trabalho hoje, valorizando aqueles que se destacaram pelo desprendimento, com honra e dignidade, com sentimento de pátria”, declarou.

Iris afirmou, também, que Goiás se tornou exemplo para o País, destacando as áreas da Saúde e Educação. “Goiás se tornou exemplo. É referência em todas as áreas da administração pública deste País. É o Estado que se tornou centro do Ensino Superior no Brasil e referência na área da medicina”, disse.

Além do livro Coletânea do Planejamento em Goiás – 1961 a 2018; foram lançados também os livros Reformas Administrativas nos Últimos 15 Anos e Caderno de Entregas e Resultados, que contêm os planos de ação dos desafios pactuados pelos municípios goianos e o Governo Estadual no âmbito da Aliança Municipal pela Competitividade do Programa Goiás Mais Competitivo e Inovador (GMCI).

A Coletânea do Planejamento em Goiás contém os planos de 14 governos: Mauro Borges (1961-1964), Otávio Lage de Siqueira (1966-1971), Leonino di Ramos Caiado (1971-1975), Irapuan Costa Júnior (1975-1979), Ary Valadão (1979-1983), Iris Rezende Machado (2 vezes: 1983-1986 e 1991-1994), Henrique Santillo (1987-1991), Maguito Vilela (1995-1998), Alcides Rodrigues (2006-2010) e Marconi Perillo (4 vezes: 1999-2002, 2003-2006, 2011-2014 e 2015-2018).

Estudantes, pesquisadores, empresários, organizações não governamentais e a sociedade civil em geral poderão encontrar na Coletânea todo o histórico de planejamento de Goiás. Também há a apresentação de cada plano de Governo, elaborada pelo próprio coordenador que trabalhou na área ou por pesquisadores. O conteúdo completo está disponível no site do Instituto Mauro Borges (IMB), no endereço.

 

Últimas Notícias

Presidente Díaz-Canel defende trabalho de médicos cubanos no Brasil
Ministério vai lançar edital para repor vagas de médicos cubanos
CFM afirma que há médicos suficientes para atender Brasil
Associação lança projeto para conscientizar população sobre diabetes 2
Transposição do S. Francisco está na pauta de prioridades da transição
Temer inaugura primeira etapa do acelerador de elétrons Sirius
Temer diz que decidirá “lá na frente” reajuste de ministros do STF
Só um governador do Nordeste participa de encontro em Brasília

MAIS NOTICIAS

 

No Congresso, Temer defende reuniões frequentes entre Poderes
 
 
Bolsonaro reafirma, no Congresso, compromisso com a Constituição
 
 
Bolsonaro critica Enem e diz que prova deve cobrar conhecimentos úteis
 
 
Governo de transição dividiu trabalhos por temas em dez frentes
 
 
Para ministro, é “mais simples” unir MEC com Ciência e Tecnologia
 
 
Bolsonaro e Temer iniciam hoje formalmente governo de transição

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2019 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212