Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


19 de Mar de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Sobre acordo com Mercosul, Macron diz: Nunca haverá carne com hormônio na França - Jornal Brasil em Folhas
Sobre acordo com Mercosul, Macron diz: Nunca haverá carne com hormônio na França


O presidente francês, Emmanuel Macron, garantiu nesta quinta-feira (22) que nunca haverá carne tratada com hormônios na França, mesmo se forem assinados acordos internacionais, como o que está em negociação entre a União Europeia e o Mercosul.

Nunca haverá carne tratada com hormônios na França. Jamais. Não se deve brincar com os temores das pessoas, apontou Macron, em encontro no Palácio do Eliseu com centenas de agropecuaristas franceses.

Não reduziremos nossos padrões de qualidade sociais, meio-ambientais, ou sanitários, nesta negociação, acrescentou o presidente da França, um dos países mais resistentes ao acordo entre os blocos.

A UE e o Mercosul retomaram, nesta semana, em Assunção, Paraguai, as discussões de um tratado de livre-comércio, negociado há quase 20 anos. Esta rodada poderia ser concluída no começo de março com um anúncio sobre um acordo.

Até então, um dos maiores obstáculos à assinatura é a abertura do mercado europeu à carne do bloco sul-americano, sobretudo na França, onde agropecuaristas temem a chegada de novos produtos com preços mais competitivos. Eles também receiam a entrada de carne tratada com hormônios, sem rastreabilidade completa de sua cadeia de produção.

Essa questão estimulou protestos na véspera em vários países da UE, especialmente na França, onde centenas de criadores foram às ruas e estradas com gado e tratores em repúdio ao potencial acordo com o Mercosul.

 

Últimas Notícias

Receita cria chat para regularizar débitos de pessoas físicas
MP facilita registro de empresas nas juntas comerciais
Mudança em servidor foi a causa de instabilidade ontem, diz Facebook
Corte de pessoal gera economia de R$ 200 milhões, afirma presidente
TCU pede informações antes de decidir sobre leilão de ferrovia
Leilão de aeroportos testa novo modelo em blocos
Pretendentes já ofertaram R$ 2,3 bi no leilão de aeroportos
Aeroportos foram arrematados com ágio médio de 986%

MAIS NOTICIAS

 

Sul do Chile enfrenta 45 focos de incêndios florestais
 
 
Governo de Minas oferece suporte psicossocial às vítimas de Brumadinho
 
 
Força Nacional de Segurança começa a deixar o Ceará
 
 
Licitação de ônibus em São Paulo tem contratos de R$ 71 bi em 20 anos
 
 
Força Nacional vai atuar em Belém na primeira quinzena de março
 
 
Fiocruz alerta para agravamento de doenças na população após tragédia

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212