Assine Brasil em Folhas / Nuvem / Pressreader



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


25 de Sep de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade
 

...

...

 
Notícias
 Prefeitura de BH fecha o ano com déficit orçamentário de R$ 319 mi - Jornal Brasil em Folhas
Prefeitura de BH fecha o ano com déficit orçamentário de R$ 319 mi


A prefeitura de Belo Horizonte fechou o ano de 2017 com um déficit orçamentário de 319 milhões de reais. Porém, começou o ano de 2018 com 70 milhões de reais em caixa. O secretário municipal de planejamento, orçamento e gestão, André Reis, explicou que o déficit é resultado de despesas exercidas no ano de 2017, das quais, a arrecadação foi feita em anos anteriores.

Ele explica que o orçamento é calculado anualmente, por esse motivo, o que foi gasto em 2017 entra no cálculo do ano, mesmo que a verba pata tal despesa tenha sido recebida em ano anterior. Por isso gera esse déficit. Quanto aos 70 milhões em caixa, o secretário explicou que esse valor é referente ao que o município tinha em caixa no fechamento do ano.

O secretário municipal de fazenda Fuad Noman, contou que esse valor já é maior agora uma vez que o município já arrecadou tributos em 2018. Em comparação com 2016, a receita total do município de Belo Horizonte caiu 5,2%. Noman afirmou que essa queda se deve ao fato de a prefeitura não negociou nenhuma receita extraordinária, como por exemplo os depósitos judiciais, manobra que foi utilizada em 2016 pela gestão anterior.

O secretário de fazenda explicou que apesar de ter tido queda na receita ordinária, a receita tributária de Belo Horizonte cresceu cerca de 6%. Segundo ele esse crescimento é resultado dos esforços da gestão atual prefeitura, como a reforma administrativa e a revisão de contratos por exemplo.
As declarações foram dadas em entrevista coletiva à imprensa na manhã desta sexta (23) na Prefeitura de Belo Horizonte, na região Centro-Sul da cidade.

Questionado sobre arrecadação de impostos, o secretário de fazenda Fuad Noman disse que o Estado está em atraso com o repasse do IPVA. Segundo o secretário, no ano passado, na mesma época, o município já tinha recebido cerca de 250 milhões de reais relativos ao IPVA. A realidade atual é um repasse de apenas 120 milhões. A reportagem entrou em contato com o governo, mas ainda não recebeu nenhuma resposta.

 

Últimas Notícias

Varejo perde R$ 19,5 bilhões em 2017 por danos em produtos e furtos
A partir deste sábado, candidatos só podem ser presos em flagrante
Brasileiros não se sentem prontos para lidar com a morte, diz pesquisa
Aos 95 anos, Gervásio Baptista recebe Medalha do Mérito Jornalístico
PF combate grupo criminoso responsável por contrabando de cigarros
Primavera começa hoje com possibilidade de novo episódio do El Niño
Facebook anuncia medidas para combater contas falsas e desinformação
Polícia Militar faz operação na Rocinha

MAIS NOTICIAS

 

Toffoli toma posse hoje na presidência do STF
 
 
Chanceler do Paraguai visita Brasil para negociar construção de pontes
 
 
Indústria recua em oito dos 15 locais pesquisados pelo IBGE em julho
 
 
Brasil amplia investimento em educação infantil, diz OCDE
 
 
México investiga caso de deputadas forçadas a renunciar
 
 
A série de ataques de 11 de Setembro completa 17 anos

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212