Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


21 de Mar de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Depois de três anos, Usiminas volta a pagar dividendos - Jornal Brasil em Folhas
Depois de três anos, Usiminas volta a pagar dividendos


SÃO PAULO. Passados três anos desde seu último pagamento de dividendos a seus acionistas, a Usiminas terminou 2017 no azul e voltou ao grupo das distribuidoras de proventos. O valor de R$ 55,341 milhões que será pago aos acionistas, sob a forma de dividendos (R$ 0,043210713 por ação ON e R$ 0,047531784 por ação PN), no início deste ano, referente ao exercício de 2017, ainda está aquém do montante já visto no passado, mas já marca o fim do período de crise da companhia que quase a levou a enfrentar um processo de recuperação judicial.

No ano passado, a siderúrgica mineira reverteu o prejuízo de R$ 577 milhões, registrado em 2016, para um lucro líquido de R$ 315 milhões. Já a receita líquida da companhia subiu 27%, para R$ 10,734 bilhões. Já a receita líquida, no acumulado do ano de 2017, atingiu R$ 10,7 bilhões, contra os R$ 8,5 bilhões registrados em 2016, o que representa um crescimento de 27%.

O diretor de finanças e relações com investidores da empresa, Ronald Seckelmann, destacou o retorno do pagamento de dividendos aos acionistas. “Trata-se um passo importante na trajetória de revitalização da Usiminas e mais um marco do novo momento vivido pela empresa”, disse ele.

Além de deixar a crise financeira para trás, em 2018 a Usiminas entrou 2018 também comemorando um acordo há muito tempo esperado entre as sócias controladoras da siderúrgica, Ternium e Nippon Steel, firmado no início de fevereiro, encerrando uma das maiores disputas societárias já vistas no Brasil e que colocou a Usiminas em pé de guerra.

Entre as medidas acertadas, ficou determinado que cada uma das partes terá o direito de nomear o presidente do conselho deliberativo e o diretor presidente (CEO) da companhia, respectivamente, por dois mandatos consecutivos de dois anos (quatro anos consecutivos cada). Em relação às disputas legais, os acionistas se obrigaram a adotar todas as ações e passos necessários para encerrar os litígios pendentes, judiciais ou administrativos, relacionados à Usiminas.

E o panorama à vista se mostra otimista. As projeções para o setor do aço que estão na mesa, pelo menos até aqui, mostram um cenário de melhora, com números para cima. As estimativas apontam para maior consumo de aço no Brasil, o que deve garantir melhores margens para as siderúrgicas. Se confirmado, a tendência, segundo analistas, é de melhores resultados e aumento gradual dos dividendos.

Produção de aço no país avançou 1,3%

A produção brasileira de aço bruto totalizou 2,9 milhões de toneladas em janeiro deste ano, expansão de 1,3% em relação a igual mês de 2017, com destaque para Rio de Janeiro e Minas Gerais, que responderam por 910 mil toneladas e 909 mil toneladas produzidas, respectivamente. Já a produção de laminados somou 1,9 milhão de toneladas, aumento de 6,3% na comparação com o mesmo período do ano passado, segundo números divulgados pelo Instituto Aço Brasil (IABr).


 

Últimas Notícias

Sul e Sudeste se unem e formam consórcio para ações conjuntas
Copom inicia reunião nesta terça para definir taxa básica de juros
Mercado reduz projeção de crescimento da economia de 2,28% para 2,01%
Atividade econômica tem queda de 0,41% em janeiro, diz BC
Governo lança edital de estudos para concessão de 22 aeroportos
Governo do Rio anuncia rompimento da concessão do Maracanã
Feiras em São Paulo oferecem oportunidades de intercâmbio no exterior
Treze de 16 docentes relataram casos de agressão na escola de Suzano

MAIS NOTICIAS

 

Copom inicia reunião nesta terça para definir taxa básica de juros
 
 
Mercado reduz projeção de crescimento da economia de 2,28% para 2,01%
 
 
Atividade econômica tem queda de 0,41% em janeiro, diz BC
 
 
Governo lança edital de estudos para concessão de 22 aeroportos
 
 
Governo do Rio anuncia rompimento da concessão do Maracanã
 
 
Conflitos e segurança poderão contar pontos na avaliação de escolas

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212