Assine Brasil em Folhas / Nuvem / Pressreader



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


26 de Sep de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade
 

...

...

 
Notícias
 Ação deixa de ser patinho feio e entra para lista de notáveis da XP - Jornal Brasil em Folhas
Ação deixa de ser patinho feio e entra para lista de notáveis da XP


SÃO PAULO - As ações do banco Santander (SANB11) receberam recomendação de compra do time de analistas da XP Investimentos, que incluiu a empresa em sua lista de notáveis. A recomendação é voltada para investidores com perfil de longo prazo, como alternativa de diversificação de carteiras.

Se olharmos para o passado não tão distante, o Banco sempre foi o patinho feio do setor, com baixo crescimento e reduzida rentabilidade. Mas os resultados chegaram e o Santander Brasil apresentou expansão de 587bps no ROE de 2015 para cá, ficando muito próximo de seus principais concorrentes privados, avalia a XP, em relatório enviado a clientes.

Segundo os analistas, a sinalização é de que este patamar veio para ficar nos próximos anos, podendo fazer com que o Santander se consolide como o segundo melhor banco em termos de rentabilidade sobre o patrimônio. O Santander reportou forte expansão do lucro líquido em 2017 (+36% gerencial), somando quase R$ 10 bilhões - no maior resultado da história do banco no país.

A equipe de análise da XP fixou preço-alvo de R$ 42,50, valor 11,6% acima do fechamento de sexta-feira (23) no cenário-base, ou seja, com bons resultados, leve expansão das carteiras de credito, inadimplência controlada e rentabilidade próxima ao patamar entre 17% e 18%.

Em um cenário otimista, a valorização seria de 16,9%, para R$ 44,50, conforme estimativas dos analistas. Esse cenário engloba duas principais variáveis superando as expectativas: a velocidade da expansão das carteiras de credito e a inadimplência melhorando mais rápido. Tal combinação pode resultar em rentabilidade acima de 18% ao longo do ano, avalia a XP.

Já em um cenário de estresse - caso a expansão das carteiras seja decepcionante e a inadimplência não dê sinais de melhora, prejudicando a lucratividade e a rentabilidade -, a ação poderia cair 12%, para R$ 33,50.

Dividendos Com mais lucro e melhor rentabilidade, o banco passou a ser também um bom investimento para quem busca retorno por meio de dividendos, destacam os analistas. Somente em 2017 foram distribuídos R$ 6,3 bilhões com rentabilidade (dividend yield) de 5,8%.

A expectativa para os dividendos neste ano também é positiva. Enquanto a média do setor gira em torno de 3,2%, a estimativa de dividend yield do Santander é de 5,2% para 2018. Olhando para rentabilidade sob o patrimônio, seus pares apresentam expectativa de ficar em média próximo de 15,9% este ano, no entanto o Santander deve manter o patamar próximo entre 17% e 18% nos próximos trimestres, afirmam os analistas.

 

Últimas Notícias

Empresários brasileiros apostam em alimentos e bebidas saudáveis
Temporal no RS deixa mais de 360 mil residências sem luz
Livro aborda mentiras contadas por presidentes do Brasil em 100 anos
Setor da cachaça lança manifesto contra carga tributária
Polícia busca PM sequestrado por criminosos na zona oeste do Rio
Bolsonaro passa bem e tem dreno retirado do abdome
PM encontra carro de policial sequestrado no Rio
Festival de Brasília termina hoje com entrega de premiações

MAIS NOTICIAS

 

Toffoli toma posse hoje na presidência do STF
 
 
Chanceler do Paraguai visita Brasil para negociar construção de pontes
 
 
Indústria recua em oito dos 15 locais pesquisados pelo IBGE em julho
 
 
Brasil amplia investimento em educação infantil, diz OCDE
 
 
México investiga caso de deputadas forçadas a renunciar
 
 
A série de ataques de 11 de Setembro completa 17 anos

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212