Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


17 de Nov de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Separatistas consideram líder preso para presidir a Catalunha - Jornal Brasil em Folhas
Separatistas consideram líder preso para presidir a Catalunha


Os partidos separatistas catalães se aproximam de um acordo para propor um candidato alternativo a Carles Puigdemont para a presidência regional, privilegiando Jordi Sánchez, um dirigente independentista preso há mais de quatro meses, anunciou um membro do Parlamento espanhol.

Me consta que o acordo é iminente e Sánchez é uma opção (...) com que se estava trabalhando, declarou na noite de segunda-feira à rádio Cadena Ser Carles Campuzano, porta-voz do PDeCAT, partido conservador e separatista de Puigdemont.

No entanto, o menor dos partidos secessionistas, a CUP (extrema esquerda), advertiu nesta terça-feira que ainda se está longe ou muito longe de um acordo para a posse, disse em coletiva de imprensa seu porta-voz Carles Riera, destacando que a decisão sobre a postura final da formação será tomada por seu conselho político neste sábado.

Até agora, o único candidato era Puigdemont, suspenso da Presidência da Catalunha após a frustrada declaração de secessão desta região espanhola em 27 de outubro.

Com ele na cabeça, sua chapa foi a mais votada entre as dos separatistas nas eleições regionais de 21 de dezembro.

Puigdemont, em exílio voluntário na Bélgica, é investigado na Espanha por rebelião e sedição, e por isso corre o risco de ser preso se voltar à Espanha para ser empossado presidente regional, mas tampouco pode sê-lo à distância, segundo determinou o Tribunal Constitucional.

Desde o fim de janeiro, os três partidos separatistas majoritários, com maioria na Câmara regional, com 70 dos 135 assentos, tentam superar esse obstáculo.

 

Últimas Notícias

Presidente Díaz-Canel defende trabalho de médicos cubanos no Brasil
Ministério vai lançar edital para repor vagas de médicos cubanos
CFM afirma que há médicos suficientes para atender Brasil
Associação lança projeto para conscientizar população sobre diabetes 2
Transposição do S. Francisco está na pauta de prioridades da transição
Temer inaugura primeira etapa do acelerador de elétrons Sirius
Temer diz que decidirá “lá na frente” reajuste de ministros do STF
Só um governador do Nordeste participa de encontro em Brasília

MAIS NOTICIAS

 

Volume de vendas do varejo cai 1,3% em setembro
 
 
Gilmar Mendes suspende decisão que obriga bancos a ressarcir clientes
 
 
Prefeitos e secretários pedem para manter cubanos no Mais Médicos
 
 
Em depoimento, Lula nega que é dono de sítio em Atibaia
 
 
Mega-Sena acumula e pode pagar R$ 33 milhões no próximo sorteio
 
 
Enem: estudantes fazem hoje prova de matemática e ciências da natureza

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2019 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212