Assine Brasil em Folhas / Nuvem / Pressreader



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


22 de Sep de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade
 

...

...

 
Notícias
 Trump fomenta guerra comercial ao prometer tarifas de importação - Jornal Brasil em Folhas
Trump fomenta guerra comercial ao prometer tarifas de importação


O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, despertou nesta quinta-feira ares de uma guerra no comércio mundial ao anunciar que na semana que vem adotará tarifas de importação pesadas sobre o aço e o alumínio.

Durante uma reunião na Casa Branca com representantes da indústria siderúrgica americana, Trump adiantou que as tarifas do aço chegarão a 25%, enquanto a importação de alumínio será taxada em 10%.

Assinarei na próxima semana. E vocês terão proteção por muito tempo. Vocês terão que reconstruir sua indústria, é tudo o que estou pedindo, disse Trump aos empresários.

A medida representa um novo passo no protecionismo americano em suas relações comerciais. Ela impacta especialmente Brasil e México, os principais exportadores latino-americanos de aço aos Estados Unidos.

Em 2017, o Brasil respondeu por 13% das importações americanas de aço, e o México foi responsável por outros 9%.

Com o anúncio de Trump, o índice Dow Jones fechou com queda de 1,68% na Bolsa de Nova York, e as ameças de parceiros comerciais não tardaram a chegar.

- Reação imediata -

A União Europeia reagirá com firmeza e proporcionalmente para defender seus interesses, afirmou nesta quinta-feira o presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker.

O Canadá, o maior fornecedor dos Estados Unidos em aço e alumínio, considerou inaceitável a determinação de Trump.

O Canadá verá qualquer restrição ao aço e ao alumínio canadense como absolutamente inaceitável, apontou o governo em nota oficial, na qual afirmou que tomará medidas de resposta para defender seus interesses.

Já no México, a Câmara Nacional da Indústria do Ferro e do Aço pediu uma resposta recíproca e imediata à eventual imposição de tarifas

A Câmara disse que deixar o México fora dessa medida seria fundamental para evitar uma guerra comercial que afetaria as cadeias produtivas de ambos os países.

O novo presidente do Federal Reserve (Fed, o Banco Central americano), Jerome Powell, disse nesta quinta-feira a uma comissão do Senado que não considera a adoção de tarifas como a melhor reação.

A melhor abordagem é lidar diretamente com as pessoas afetadas, em vez de voltar às tarifas.

- Indústria dizimada -

Na manhã desta quinta, Trump já tinha afirmado no Twitter que as importações dos dois metais estavam destruindo a indústria nacional.

Nossas indústrias de aço e alumínio (e muitas outras) foram dizimadas durante décadas por um comércio injusto e políticas ruins com países de todo o mundo, tuitou o americano nesta quinta.

Já não devemos permitir que tirem vantagem de nosso país, nossos negócios e nossos trabalhadores, acrescentou o presidente, e solicitou um comércio livre, justo e inteligente.

O tuíte foi publicado enquanto Liu He, assessor econômico do presidente chinês, Xi Jinping, visita Washington. Ele deve se reunir com funcionários da Casa Branca.

Em meados de fevereiro, o governo Trump anunciou três modelos para taxar as importações de alumínio e aço, destacando a necessidade de preservar a segurança nacional e o emprego nos Estados Unidos.

 

Últimas Notícias

Deputado Marlúcio promove caminhonetadas em várias regiões de Aparecida
Dia da Árvore: desmatamento vem caindo, mas ainda há desafios
Brincar com os quatro elementos da natureza ajuda a criança a se desenvolver melhor
Meninas que praticam esportes, cuidado com a alimentação!
Indústria paulista fecha 2,5 mil postos de trabalho em agosto
Aneel descarta revisão de bandeira tarifária em conta de luz
BNDES: empréstimos para Cuba e Venezuela não deveriam ter sido feitos
Brasil amplia investimento em educação infantil, diz OCDE

MAIS NOTICIAS

 

Toffoli toma posse hoje na presidência do STF
 
 
Chanceler do Paraguai visita Brasil para negociar construção de pontes
 
 
Indústria recua em oito dos 15 locais pesquisados pelo IBGE em julho
 
 
Brasil amplia investimento em educação infantil, diz OCDE
 
 
México investiga caso de deputadas forçadas a renunciar
 
 
A série de ataques de 11 de Setembro completa 17 anos

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212