Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


16 de Fev de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Grupo extremista GSIM reivindica ataques de Burkina Faso, diz agência mauritana - Jornal Brasil em Folhas
Grupo extremista GSIM reivindica ataques de Burkina Faso, diz agência mauritana


O Grupo de Apoio ao Islã e aos Muçulmanos (GSIM) reivindicou os ataques desta sexta-feira (2) à capital de Burkina Faso, Ouagadougou, afirmando ter agido em represália a uma operação francesa no Mali, em uma mensagem enviada neste sábado à agência privada mauritana, Al Akhbar.

O grupo, dirigido pelo tuareg maliano Iyad Ag Ghaly, fez os ataques contra o Estado Maior do Exército de Burkina Faso e a embaixada da França em Uagadougou, que deixaram oito militares mortos, em resposta à morte de diversos de seus dirigentes em uma operação militar francesa no norte do Mali há duas semanas, segundo esta fonte.

Em 15 de fevereiro, cerca de 20 supostos extremistas foram abatidos ou capturados, segundo o Estado Maior francês, em uma operação aérea e terrestre das forças da França contra o grupo de Iyad Ag Ghaly no nordeste do Mali, perto da fronteira com a Argélia.

O GSIM também reivindicou um ataque que custou a vida de dois militares franceses e feriu um terceiro em 21 de fevereiro no nordeste do Mali, uma região fronteiriça com Níger, com a presença de grupos extremistas que a força conjunta G5 do Sahel tenta expulsar.

Em Ougadougou, oito oficiais das forças de seguranças burquinenses morreram nesta sexta-feira, e outros 12 ficaram gravemente feridos, segundo um balanço oficial.

 

Últimas Notícias

Governadores pedem ao STF julgamento de processos sobre repasses
Ministro quer atrair investimentos privados para Jardim Botânico do RJ
Fies vai oferecer 100 mil vagas a juro zero para alunos de baixa renda
TJ libera R$ 13 milhões para Vale ressarcir gastos do governo mineiro
Vale pede mais tempo para analisar Termo de Ajuste Preliminar
Deputados do Rio presos podem ter posses suspensas
Vale suspende operação em barragem em Brucutu e de mina em Brumadinho
TRE-RJ mantém ex-deputado Paulo Melo inelegível até 2024

MAIS NOTICIAS

 

Sul do Chile enfrenta 45 focos de incêndios florestais
 
 
Governo de Minas oferece suporte psicossocial às vítimas de Brumadinho
 
 
Força Nacional de Segurança começa a deixar o Ceará
 
 
Licitação de ônibus em São Paulo tem contratos de R$ 71 bi em 20 anos
 
 
Força Nacional vai atuar em Belém na primeira quinzena de março
 
 
Fiocruz alerta para agravamento de doenças na população após tragédia

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212