Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


16 de Fev de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Ações da BRF caem quase 20%, após prisões da Operação Carne Fraca - Jornal Brasil em Folhas
Ações da BRF caem quase 20%, após prisões da Operação Carne Fraca


As ações da BRF Brasil Food despencaram 19,74% na Bovespa nesta segunda-feira (5), depois de a Polícia Federal (PF) prender dez pessoas ligadas à empresa, na terceira fase da Operação Carne Fraca.

Os detidos são acusados de ocultar a presença de salmonela em produtos da BRF, uma das maiores exportadoras mundiais de produtos de aves.

As investigações demonstraram que cinco laboratórios credenciados junto ao MAPA – Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento – e setores de análises de determinado grupo empresarial fraudavam resultados de exames em amostras de seu processo industrial, indicou a PF em nota.

A operação desta segunda-feira, batizada de Trapaça, mobilizou 270 policiais e 21 agentes sanitários em cinco estados para cumprir 91 mandatos - 11 deles de prisão preventiva e 53 de registro.

O delegado da PF Mauricio Boscardi Grillo afirmou que dez dos 11 mandatos já foram cumpridos, entre eles o do ex-presidente do grupo Pedro de Andrade Faria.

A prática das fraudes contava com a anuência de executivos do grupo empresarial, bem como de seu corpo técnico, além de profissionais responsáveis pelo controle de qualidade dos produtos da própria empresa, afirmou a PF.

Segundo o Ministério de Agricultura, Pecuária e Abastecimento, o alvo principal desta operação é a fraude nos resultados de análises laboratoriais relacionados ao grupo de bactérias Salmonella spp nos produtos da BRF, alguns deles destinados à exportação para 12 países, 80% deles da União Europeia.

Alexandre Campos da Silva, inspetor do Ministério, disse em coletiva de imprensa que recebeu, apenas no ano passado, 410 notificações da presença de salmonela por parte desses 12 países.

A BRF é uma das líderes mundiais do setor agroalimentar e exporta seus produtos para mais de 120 países, especialmente relacionados a aves.

O grupo já havia sido alvo da primeira etapa da Operação Carne Fraca, em março de 2017, quando teve início o escândalo que envolveu agentes dos serviços sanitários subornados para certificar carne - principalmente bovina - adulterada.

Após a Carne Fraca, vários países suspenderam momentaneamente suas importações de carne do Brasil, maior exportador mundial de carne bovina e de aves.

 

Últimas Notícias

Governadores pedem ao STF julgamento de processos sobre repasses
Ministro quer atrair investimentos privados para Jardim Botânico do RJ
Fies vai oferecer 100 mil vagas a juro zero para alunos de baixa renda
TJ libera R$ 13 milhões para Vale ressarcir gastos do governo mineiro
Vale pede mais tempo para analisar Termo de Ajuste Preliminar
Deputados do Rio presos podem ter posses suspensas
Vale suspende operação em barragem em Brucutu e de mina em Brumadinho
TRE-RJ mantém ex-deputado Paulo Melo inelegível até 2024

MAIS NOTICIAS

 

Sul do Chile enfrenta 45 focos de incêndios florestais
 
 
Governo de Minas oferece suporte psicossocial às vítimas de Brumadinho
 
 
Força Nacional de Segurança começa a deixar o Ceará
 
 
Licitação de ônibus em São Paulo tem contratos de R$ 71 bi em 20 anos
 
 
Força Nacional vai atuar em Belém na primeira quinzena de março
 
 
Fiocruz alerta para agravamento de doenças na população após tragédia

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212