Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


15 de Nov de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Chanel em um passeio pela floresta e Louis Vuitton em um Louvre futurista - Jornal Brasil em Folhas
Chanel em um passeio pela floresta e Louis Vuitton em um Louvre futurista


Karl Lagerfeld propôs uma caminhada na floresta sob o teto de vidro em seu desfile para Chanel no Grand Palais, e Louis Vuitton fez um convite a um Louvre futurista no último dia da Semana de Moda outono-inverno 2018-2019 em Paris.

- A floresta Chanel -

Para andar na floresta, Karl Lagerfeld montou uma coleção feita de botas, cachecóis e casacos longos, enquanto no último desfile da marca a atenção estava voltada para roupas de chuva.

Com seu novo look de barba, que polemizou nas redes sociais, o estilista trouxe um retorno à natureza, apresentando sua nova coleção em meio a dezenas de árvores instaladas em um Grand Palais com o chão coberto de folhas mortas exalando aromas de vegetação.

O cenário provocou polêmica entre os ecologistas. A Federação France Nature Environment classificou o corte de árvores para o desfile como um heresia. A Chanel respondeu à acusação prometendo replantar 100 novos carvalhos na floresta.

Os looks se concentram em lã, no caro tweed da Chanel e em uma paleta outonal, em um visual muito distante dos azuis e rosas-chiclete das coleções anteriores da marca.

Longos casacos de lã e tweed chegam aos tornozelos, casacos de pele e vestidos camisola, além das botas, compõem a silhueta Chanel para o próximo outono-inverno.

As cores são em tons naturais: ocre, preto, bege e marrom. Para completar os looks e confundir o olhar, Karl Lagerfeld trouxe echarpes grandes ao redor do pescoço e longos xales ornamentais.

As raras cores vivas ficam entre o rosa, o laranja e o azul elétrico, em pequenos toques como nas luvas compridas que lembram Audrey Hepburn em Bonequinha de Luxo.

Apesar de inspirada na natureza, a coleção não deixa de lado o glamour, com tons de cobre e castanho avermelhado nas botas e estampas de folhas em vestidos, saias, mantôs e jaquetas.

Nesse passeio sofisticado, mas não chamativo, o acessório reina em colares, brincos e uma grande variedade de bolsas de mão, algumas na forma da famosa camélia Chanel.

Para a noite, a marca propõe vestidos pretos, muitos com laços, e um blazer de tweed sobre os ombros.

Vanessa Paradis, Carla Bruni-Sarkozy e Keira Knightley assistiram ao desfile da maison.

- Louis Vuitton entre o passado e futuro -

Para Louis Vuitton, Nicolas Ghesquière instalou no Louvre um pódio em duas partes, com uma escada dupla coberta com tapete semelhante a um hotel abrindo para uma plataforma que lembra uma nave saída de Guerra nas Estrelas.

As épocas e estilos também são exagerados: blusas sem mangas combinadas com corpetes em cores vivas, que contrastam com looks que evocam os anos 1970. Um macacão de esqui vintage aparece combinado com um vestido fluido oversize.

As saias são de tweed e pied de poule, contrabalanceadas com peças esportivas em cores contrastantes. Os tons remetem ao velho oeste em jaquetas com franjas pequenas e coletes de caubói.

É uma mistura de influências em um guarda-roupa para uma mulher forte e moderna, chique e original. A assimetria aparece em vários looks, na maquiagem e nos acessórios, com as mãos cobertas por luvas elegantes, ou nuas.

O desfile aconteceu sob o olhar atento do presidente do grupo LVMH, proprietário da marca, Bernard Arnault, no quarto lugar das maiores fortunas mundiais segundo a lista publicada nesta terça-feira pela revista Forbes.

Na primeira fila do desfile estavam as atrizes Catherine Deneuve, Isabelle Huppert, Léa Seydoux, Michelle Williams, Emma Stone e Jennifer Connelly.

 

Últimas Notícias

Nordeste perdeu 1 milhão de trabalhadores no campo de 2012 para 2017
IBGE prevê em 2019 safra de grãos 0,2% menor que a de 2018
Safra de grãos pode chegar a 238,3 milhões de toneladas, diz Conab
Banco do Brasil tem lucro de 14,3% no terceiro trimestre
Percentual de inadimplentes recua em outubro, diz CNC
Boletos vencidos de todos os tipos serão pagos em qualquer banco
Leonardo de Morais toma posse na presidência da Anatel
Natal deve movimentar R$ 53,5 bilhões na economia do país, prevê SPC

MAIS NOTICIAS

 

No Congresso, Temer defende reuniões frequentes entre Poderes
 
 
Bolsonaro reafirma, no Congresso, compromisso com a Constituição
 
 
Bolsonaro critica Enem e diz que prova deve cobrar conhecimentos úteis
 
 
Governo de transição dividiu trabalhos por temas em dez frentes
 
 
Para ministro, é “mais simples” unir MEC com Ciência e Tecnologia
 
 
Bolsonaro e Temer iniciam hoje formalmente governo de transição

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2019 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212