Assine Brasil em Folhas / Nuvem / Pressreader



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


19 de Sep de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade
 

...

...

 
Notícias
 Goiás na Frente: Governo do Estado leva asfalto a 100% das ruas de Jesúpolis - Jornal Brasil em Folhas
Goiás na Frente: Governo do Estado leva asfalto a 100% das ruas de Jesúpolis


Pavimentação Urbana JesupolisA vida de Gabriela Rosa está mais sossegada. A agente de saúde nasceu praticamente junto com o município de Jesúpolis, 26 anos atrás, e desde então mora no mesmo canto da Rua 24, no Setor Vista Bela. A aflição da moça com os problemas respiratórios da filhinha de dois anos e das demais crianças que atende no PS da cidade diminuiu demais. Nos últimos meses, a poeira se foi para não mais voltar. O asfalto, obra do Programa de Convênios do Goiás na Frente, do Governo de Goiás, chegou à porta de sua casa. E até o fim do semestre, 100% das ruas do município de três mil habitantes estarão asfaltadas.

Idealizado pelo governador Marconi Perillo e coordenado pelo vice, José Eliton, o Goiás na Frente destina mais de R$ 500 milhões às prefeituras para que realizem obras urbanas. Da cota de R$ 1 milhão destinado a Jesúpolis, o município já recebeu quatro parcelas de R$ 166,6 mil cada.

O recurso pavimentou 13 mil metros quadrados de ruas do Vista Bela. As duas últimas das seis parcelas vão para asfaltar o resto de rua de terra que sobrou, no Setor Central, para botar o chão preto em rigorosamente todo o perímetro urbano. São mais R$ 12 mil metros quadrados.

Jesúpolis na frente

Entre as 246 cidades goianas, Jesúpolis foi um dos primeiros a formalizar convênio com o Goiás na Frente, fator que coloca as obras na cidade entre as mais adiantadas no Estado. O prefeito Wygnerley Morais já está nas ruas inspecionando os trabalhos. Antes das 8 horas, esta semana, já instruía o pedreiro na escada do ginásio coberto da cidade, obra fruto de convênio federal. Aquela manhã seria corrida: ele tinha agenda na Caixa Econômica Federal em Anápolis às 10 horas em busca de mais recursos. “Nosso orçamento é modesto, tem de correr atrás de mais recursos para complementar”, ensina.

Particularidades de cidade do interior, onde a comunidade se orgulha da convivência saudável, Wygnerley deixa seu carro aberto, com as chaves na ignição, e caminha entre as ruas recém asfaltadas do Vista Bela, cumprimentando um a um os moradores pelo nome. Na Rua Mato Grosso está dona Edirene de Oliveira Cardoso. Ela é a feliz proprietária de uma mecânica de motos que agregou o comércio de peças e acessórios.

Edirene está alegre porque o asfalto, mais do que a esperança da cura definitiva para rinite alérgica dos dois filhos, trouxe uma melhora no movimento da loja. “Aqui era complicado, muita poeira e lama por conta dos caminhões puxando barro”, diz, esclarecendo que a Rua Mato Grosso é rota de abastecimento da cerâmica, que com a lavoura de banana, responde pelo grosso da atividade econômica de Jesúpolis.

“Esse asfalto foi uma benção pra gente”, afirma morador

Numa rua perpendicular está a mercearia de seu Antônio Francisco Filho. Os quase 10 anos de sofrimento com os elementos, tendo de limpar diariamente, cedo e tarde, todos os produtos nas prateleiras, agora são apenas lembranças: “Esse asfalto foi uma bênção pra gente”.

Algumas casas abaixo João José Alves, 71, senta-se à sombra de uma árvore, calçada recém construída, para observar a movimentação incomum daquela sexta-feira: “Vocês viram que agora está tudo limpinho?”

Cidade sem poeira

Para chegar a 100% das ruas asfaltadas, o prefeito Wygnerley ampliou a contrapartida da prefeitura de 1% para 5%, R$ 50 mil para banir de vez a poeira e a lama da porta da rua do povo. “Já tínhamos os projetos prontos e as licenças ambientais em dia. Esperávamos por essa obra desde 2014. É um compromisso que o governador Marconi Perillo e o vice-governador José Eliton resgatam com nossa comunidade”, diz o prefeito, que orgulha-se de sua Jesúpolis ser a terceira cidade do Estado a entregar uma obra dentro do programa de convênios.

A jovem Jesúpolis tem 27 anos de emancipação política. Município de forte tradição católica, a exemplo das vizinhas Petrolina e São Francisco de Goiás, orgulha-se do Cristo monumental que enfeita a entrada da cidade, fim de linha da GO-529, brilhando de nova depois da recuperação feita pelo governo do Estado. O orçamento anual de Jesúpolis é pequeno, R$ 12 milhões, mas bem administrado: ruas limpas e bem cuidadas, escolas novas, posto de saúde funcionando. Chama atenção a espaçosa biblioteca, no Centro. Bem perto, ladeando o prédio recém pintado de amarelo ouro da prefeitura, estão um roçado de feijão e outro de abóbora a revelar a simplicidade da vida naquele lugar.

Comunicação Vice-Governadoria


 

Últimas Notícias

Centro está preparado para lançamento de foguete após acidente
Cidades brasileiras integram programa de preservação de florestas
MP denuncia ex-marido de corretora assassinada no Rio
Bolsonaro segue estável e internado no Hospital Albert Einstein
Goiás entra para a elite dos Estados mais competitivos do País
Petrobras eleva gasolina em 2 centavos; diesel permanece inalterado
MME faz consulta sobre planejamento da transmissão de energia elétrica
Inadimplência do consumidor subiu 3,63% em agosto

MAIS NOTICIAS

 

Toffoli toma posse hoje na presidência do STF
 
 
Chanceler do Paraguai visita Brasil para negociar construção de pontes
 
 
Indústria recua em oito dos 15 locais pesquisados pelo IBGE em julho
 
 
Brasil amplia investimento em educação infantil, diz OCDE
 
 
México investiga caso de deputadas forçadas a renunciar
 
 
A série de ataques de 11 de Setembro completa 17 anos

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212