Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


19 de Fev de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Esses são os 15 melhores filmes originais da Netflix, segundo críticos - Jornal Brasil em Folhas
Esses são os 15 melhores filmes originais da Netflix, segundo críticos


SÃO PAULO – O melhor filme original da Netflix é Mudbound, de acordo com o ranking elaborado pelo Business Insider. O longa de 2017 recebeu uma aprovação de 96% dos críticos do RottenTomatoes, sendo classificado como fresco, com nota de 8,3 de 10. Nas avaliações dos usuários, o filme teve uma aprovação de 85% (nota 4,1 de 5).

Não foram incluídos na lista documentários e filmes que não possuíam uma quantidade suficiente de avaliações para receber a classificação de fresco ou podre. As avaliações dos usuários, por sua vez, foram utilizadas para critério de desempate.

Confira, abaixo os 15 melhores filmes de acordo com o portal, além da nota da crítica, a nota dada pelos usuários e uma breve descrição de cada longa:

1. “Mudbound” (2017)

No Mississippi racialmente segregado pós 1ª Guerra Mundial, dois homens - um negro e outro branco - forjam uma amizade baseada em suas experiências de guerra - Este filme ainda não chegou ao streaming do Brasil.

Nota da crítica: 96% Nota do público: 85%

2. “A mala e os errantes” (2017)

Quando uma entrega suspeita não corre como planejado, os estranhos Danny e Ellie embarcam em uma jornada pelas ruas de Nova York para sair de uma perigosa enrascada.

Nota da crítica: 95% Nota do público: 72%

3. “Os Meyerowitz: Família Não se Escolhe” (2017)

Mágoas e rivalidades marcam o reencontro de três irmãos que se reúnem em Nova York para homenagear o pai, um escultor sem sucesso e pra lá de marrento.

Nota da crítica: 92% Nota do público: 73%

4. “Beasts of No Nation” (2015)

Separado da família durante a guerra civil, um garoto africano é forçado a lutar ao lado de mercenários e tornar-se menino-soldado.

Nota da crítica: 91% Nota do público: 92%

5. “Sonhos Imperiais” (2014)

Um jovem pai sai da prisão determinado a cuidar de seu filho e se tornar escritor, mas a pobreza, o crime e o sistema ameaçam seus planos.

Nota da crítica: 91% Nota do público: 83%

6. “Jogo Perigoso” (2017)

Quando as brincadeiras sexuais do marido dão errado, Jessie, algemada a uma cama numa casa distante, encara visões alucinantes, segredos sombrios e uma escolha terrível.

Nota da crítica: 91% Nota do público: 73%

7. “Deidra e Laney Assaltam um Trem” (2017)

Com a mãe presa e as contas se acumulando, as adolescentes ambiciosas Deidra e Laney tramam vários assaltos a trens para se manterem.

Nota da crítica: 90% Nota do público: 59%

8. “First They Killed My Father” (2017)

Aos 5 anos de idade, uma garota luta para sobreviver em meio ao regime de terror do Khmer Vermelho no Camboja.

Nota da crítica: 89% Nota do público: 80%

9. “Apostando tudo” (2017)

Após perder 50 mil dólares que não eram dele, Eddie começa a reconstruir a sua vida. Mas um acontecimento inesperado faz ele voltar aos hábitos de sempre.

Nota da crítica: 89% Nota do público: 56%

10. “Pequeno Demônio” (2017)

Nesta comédia de terror, um homem recém-casado tenta se aproximar de seu enteado, mas suspeita que ele seja um demônio.

Nota da crítica: 89% Nota do público: 42%

11. “Já Não Me Sinto Em Casa Nesse Mundo” (2017)

A vida de uma tímida auxiliar de enfermagem ganha novo propósito quando ela e um vizinho resolvem encontrar os ladrões que roubaram a casa dela.

Nota da crítica: 88% Nota do público: 77%

12. “Wheelman” (2017)

O piloto de fuga de um assalto fracassado coloca suas habilidades à prova quando recebe ordens chocantes por telefone.

Nota da crítica: 89% Nota do público: 65%

13. “A Incrível Jessica James” (2017)

Arrasada após terminar um relacionamento, uma dramaturga de NY tem uma ligação improvável com um desenvolvedor de aplicativos divorciado que ela conhece num encontro.

Nota da crítica: 86% Nota do público: 67%

14. “Código de Silêncio” (2017)

Zurich é um aluno promissor, mas encara a verdade dos trotes cada vez mais violentos de sua fraternidade.

Nota da crítica: 86% Nota do público: 64%

15. “1922” (2017)

Um fazendeiro confessa o assassinato da esposa. E esse é só o começo desta trama macabra baseada num livro de Stephen King.

Nota da crítica: 86% Nota do público: 57%

 

Últimas Notícias

Brasil perdeu 7,2 milhões de linhas de celular no ano passado
Petrobras reduz em 3% GLP empresarial nas refinarias
Ministro do STJ nega pedido de prisão domiciliar a João de Deus
Escassez de chuvas leva governo a acionar termelétricas mais caras
Picciani, Paulo Melo e Albertassi serão julgados por Bretas
Suspensa permissão para deputada receber denúncias contra professores
MPT não descarta pedir bloqueio dos bens do Flamengo
Número de mortos identificados em Brumadinho chega a 151

MAIS NOTICIAS

 

Sul do Chile enfrenta 45 focos de incêndios florestais
 
 
Governo de Minas oferece suporte psicossocial às vítimas de Brumadinho
 
 
Força Nacional de Segurança começa a deixar o Ceará
 
 
Licitação de ônibus em São Paulo tem contratos de R$ 71 bi em 20 anos
 
 
Força Nacional vai atuar em Belém na primeira quinzena de março
 
 
Fiocruz alerta para agravamento de doenças na população após tragédia

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212