Assine Brasil em Folhas / Nuvem / Pressreader



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


25 de Sep de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade
 

...

...

 
Notícias
 Setor automotivo europeu, o novo alvo de Trump - Jornal Brasil em Folhas
Setor automotivo europeu, o novo alvo de Trump


O presidente americano, Donald Trump, concentra os ataques de sua grande ofensiva comercial na União Europeia (UE) e se mostra particularmente ameaçador com o setor automotivo, um símbolo da indústria alemã.

Se os europeus não eliminarem as tarifas, vamos taxar a Mercedes-Benz, vamos taxar a BMW, advertiu no sábado o republicano, que tem como marca registrada a frase Estados Unidos primeiro.

Trump fez a declaração em Pittsburgh, em uma área industrial pobre particularmente receptiva às tarifas de importação de aço e alumínio que seu governo acaba de anunciar.

Antes de desencadear esta batalha comercial, que já provoca repercussões em todo o planeta, Trump pesou os prós e contras, afirmou neste domingo Raj Shah, porta-voz da Casa Branca.

Há muito tempo Trump fala sobre como os países estrangeiros tratam as empresas e os trabalhadores americanos, justificou Shah em entrevista ao canal ABC.

Simplesmente quer acesso a mercados estrangeiros e isso é o que vai obter, completou.

Os europeus estão nos matando no comércio, afirmou Trump.

Nós não podemos nem vender nossos produtos agrícolas lá, eles nos restringem totalmente. Então, depois eles dizem: Queremos o fim destas tarifas, completou.

O republicano fez uma proposta ao Velho Continente: se desejam evitar as novas tarifas de importação americanas sobre o aço e o alumínio, os europeus devem eliminar as barreiras para a entrada de produtos americanos.

No sábado, o presidente americano resumiu sua opinião em um tuíte: A União Europeia, países maravilhosos que tratam muito mal os Estados Unidos em termos de comércio, está se queixando das tarifas sobre o aço e o alumínio.

Se eles abandonarem suas horríveis barreiras e tarifas sobre os produtos americanos que entram (no bloco), nós também abandonaremos as nossas. Grande déficit. Se não, imporemos taxas a carros, etc. É JUSTO!, acrescentou.

Trump fez a advertência poucas horas depois de uma reunião infrutífera sobre o tema em Bruxelas entre o representante do Comércio dos Estados Unidos, Robert Lighthizer, e a Comissão Europeia, que luta para que a UE tenha uma isenção das tarifas americanas.

As tarifas anunciadas por Trump são de 25% sobre o aço e 10% sobre o alumínio.

A China, maior produtor mundial de aço e alumínio, afirmou neste domingo que defenderá firmemente seus interesses, mas continuará as conversações com Washington para evitar uma guerra comercial desastrosa para o mundo.

Os canais de comunicação não foram cortados (...) porque ninguém quer uma guerra comercial, disse o ministro do Comércio da China, Zhong Shan.

 

Últimas Notícias

Varejo perde R$ 19,5 bilhões em 2017 por danos em produtos e furtos
A partir deste sábado, candidatos só podem ser presos em flagrante
Brasileiros não se sentem prontos para lidar com a morte, diz pesquisa
Aos 95 anos, Gervásio Baptista recebe Medalha do Mérito Jornalístico
PF combate grupo criminoso responsável por contrabando de cigarros
Primavera começa hoje com possibilidade de novo episódio do El Niño
Facebook anuncia medidas para combater contas falsas e desinformação
Polícia Militar faz operação na Rocinha

MAIS NOTICIAS

 

Toffoli toma posse hoje na presidência do STF
 
 
Chanceler do Paraguai visita Brasil para negociar construção de pontes
 
 
Indústria recua em oito dos 15 locais pesquisados pelo IBGE em julho
 
 
Brasil amplia investimento em educação infantil, diz OCDE
 
 
México investiga caso de deputadas forçadas a renunciar
 
 
A série de ataques de 11 de Setembro completa 17 anos

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212