Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


14 de Nov de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Celular pós-pago é o serviço de telecomunicação mais bem avaliado por usuários - Jornal Brasil em Folhas
Celular pós-pago é o serviço de telecomunicação mais bem avaliado por usuários


O resultado da pesquisa de satisfação e qualidade dos serviços de telecomunicação divulgado hoje (13) pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) mostra o serviço de telefonia móvel pós-paga em primeiro lugar na avaliação dos usuários em 2017.

Em segundo e terceiro lugares aparecem os serviços de TV por assinatura e telefonia fixa. A telefonia celular pré-paga e o serviço de banda larga fixa tiveram as piores avaliações dos consumidores.

No total, foram realizadas 140 mil entrevistas de 26 de julho a 3 de dezembro de 2017. Os usuários atribuíram notas de 0 (nada satisfeito) a 10 (totalmente satisfeito) às suas prestadoras de telecomunicação e serviços ofertados.

Segundo a Anatel, a telefonia móvel na modalidade pós-paga marcou 6,99 pontos e foi o único serviço a melhorar em todos os sete indicadores avaliados (canais de atendimento, atendimento telefônico, oferta e contratação, funcionamento, cobrança e recarga, reparo e instalação, e capacidade de resolução das demandas dos consumidores). Em 2016, o serviço recebeu 6,86 pontos.

O estado com o serviço de celular pós-pago melhor avaliado foi o Amazonas, onde obteve 7,23 pontos. Entre as prestadoras, a melhor avaliada, com 8,32, foi a Porto Seguro. A empresa opera nos estado de São Paulo e Rio de Janeiro. E, seguida vem a Vivo, com 7,26; e a TIM, com 7,16.

A TV por assinatura teve nota final de 6,93. O estado que apresentou a maior satisfação com o serviço foi o Maranhão, com 7,42 pontos. Entre as prestadoras, a melhor avaliada foi a Nossa TV, com 8,96 pontos. Em seguida vem a Cabo Telecom, com 7,68, que tem forte presença no Rio Grande do Norte; e a Claro, com nota final 7,24.

Já o serviço de telefonia fixa recebeu avaliação final de 6,92 em 2017. O resultado é praticamente estável em relação ao ano anterior, quando marcou 6,93. A nota mais alta, de 7,24 pontos, novamente ficou com o Amazonas. Entre as prestadoras, as melhores avaliadas por seus consumidores estão a Sercomtel, com 8; a Algar Telecom com 7,69; e a TIM, que marcou 7,58.

Apesar de ter melhorado em relação a pesquisa anterior, a telefonia móvel pré-paga ficou na frente apenas do serviço de banda larga fixa, o pior entre os cinco serviços avaliados. Em 2017, os entrevistados atribuíram nota final ao serviço pré-pago de 6,83, contra 6,78 em 2016.

De acordo com a Anatel o estado que apresentou maior satisfação foi Rondônia, que marcou 7,18. Entre as prestadoras, as que operam regionalmente obtiveram os melhores resultados. Com avaliação final de 7,71, a Sercomtel, que atua no interior do Paraná, ficou em primeiro. Em seguida, vem a Algar Telecom, que atua na região do Triangulo Mineiro e parte de Goiás e São Paulo, com 7,41. Em terceiro ficou a Claro, com 6,92.

A pior avaliação ficou com a banda larga fixa, que marcou 6,23. O serviço, caiu em relação à avaliação de 2016, quando obteve 6,26 de nota final. “Foi o único dos serviços de telecomunicações a apresentar queda significativa no ano passado”, disse a Anatel.

A maior satisfação com o serviço foi no Rio Grande do Norte, com 7,04. As prestadoras mais bem avaliadas são a Cabo Telecom, com nota final de 7,64; a TIM, que marcou 7,54; e a Brisanet, que atua principalmente no Nordeste e recebeu 7,28 de notal final.

Edição: Davi Oliveira

 

Últimas Notícias

Nordeste perdeu 1 milhão de trabalhadores no campo de 2012 para 2017
IBGE prevê em 2019 safra de grãos 0,2% menor que a de 2018
Safra de grãos pode chegar a 238,3 milhões de toneladas, diz Conab
Banco do Brasil tem lucro de 14,3% no terceiro trimestre
Percentual de inadimplentes recua em outubro, diz CNC
Boletos vencidos de todos os tipos serão pagos em qualquer banco
Leonardo de Morais toma posse na presidência da Anatel
Natal deve movimentar R$ 53,5 bilhões na economia do país, prevê SPC

MAIS NOTICIAS

 

No Congresso, Temer defende reuniões frequentes entre Poderes
 
 
Bolsonaro reafirma, no Congresso, compromisso com a Constituição
 
 
Bolsonaro critica Enem e diz que prova deve cobrar conhecimentos úteis
 
 
Governo de transição dividiu trabalhos por temas em dez frentes
 
 
Para ministro, é “mais simples” unir MEC com Ciência e Tecnologia
 
 
Bolsonaro e Temer iniciam hoje formalmente governo de transição

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2019 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212