Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


23 de Fev de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Voltar Procon Estadual multa loja por venda de produtos vencidos - Jornal Brasil em Folhas
Voltar Procon Estadual multa loja por venda de produtos vencidos


O Procon Estadual, órgão vinculado à Secretaria de Justiça e Direitos Humanos (Sejudh), multou as Lojas Americanas S.A., localizada na rua Joaquim Murtinho, no centro de Cuiabá, em R$62.311,11 por comercializar produtos alimentícios com prazo de validade vencido. A infração à legislação consumerista foi constatada em fiscalização realizada pelo Procon no dia 25 de janeiro deste ano, atendendo denúncia de consumidor que passou mal após ingerir alimento adquirido na loja e que estava vencido há cerca de 20 dias.

Durante a ação, os fiscais do Procon encontraram mercadorias vencidas há mais de quatro meses, além de produtos vencidos e dentro do prazo de validade misturados nas prateleiras/gôndolas, muitos deles direcionados ao consumo infantil. No total foram apreendidos 205 alimentos com prazo de validade vencido: 144 unidades de biscoitos; 34 unidades de chocolate; seis unidades de bombons; uma unidade de barra de cereal; 10 unidades de barra de proteínas; três unidades de barra de frutas; cinco unidades de pipoca doce e natural; duas unidades de salgadinhos.

O fiscal de Defesa do Consumidor, Marcos William Pereira, explica que o estabelecimento é reincidente. “Em outra fiscalização do Procon já havíamos apreendido produtos vencidos na mesma loja, além de constatarmos outras infrações ao Código de Proteção e Defesa do Consumidor”, salienta. O estabelecimento terá dez dias, a contar do recebimento do Auto de Infração, para questionar o valor da multa aplicada, que é calculada conforme planilha do Procon-MT, disponibilizada no site do órgão.

Além da reincidência, para o cálculo da multa foram consideradas como circunstâncias agravantes o fato de a infração acarretar consequências danosas à saúde e/ou segurança do consumidor e a prática poder ocasionar dano coletivo ou ter caráter repetitivo.

Serviço

O Procon-MT atende na sede estadual, na Avenida Historiador Rubens de Mendonça (do CPA), nº 917, Edifício Eldorado Executive Center – Bairro Araés, de segunda a sexta-feira, das 12h às 18h, para registro de reclamações, audiências, consulta de processos e protocolo de documentos.

No posto do Ganha Tempo da Praça Ipiranga, o atendimento ao público também é de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 18h30, no Várzea Grande Shopping, das 10h às 19h, e no posto do Ganha Tempo do CPA 1, de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h. No posto da Assembleia Legislativa, o atendimento é de segunda a sexta-feira, das 7h às 18h. Outras informações podem ser obtidas pelos telefones 151 ou (65) 3613-8500.



 

Últimas Notícias

Índice de registro de imóveis pode melhorar transações no país
Programa para receber declaração do IR estará disponível segunda-feira
Paulo Guedes espera aprovação da reforma da Previdência até junho
Doria anuncia redução do aumento do preço médio do gás em São Paulo
Pesquisador em Engenharia Aeroespacial assume presidência do CNPq
Ortega anuncia retomada do diálogo com a sociedade organizada
Empresária vítima de tentativa de feminicídio no Rio deixa hospital
Atriz Fernanda Montenegro recebe alta de hospital no Rio

MAIS NOTICIAS

 

Sul do Chile enfrenta 45 focos de incêndios florestais
 
 
Governo de Minas oferece suporte psicossocial às vítimas de Brumadinho
 
 
Força Nacional de Segurança começa a deixar o Ceará
 
 
Licitação de ônibus em São Paulo tem contratos de R$ 71 bi em 20 anos
 
 
Força Nacional vai atuar em Belém na primeira quinzena de março
 
 
Fiocruz alerta para agravamento de doenças na população após tragédia

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212