Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


18 de Fev de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Senegal protesta ante Espanha após a morte de camelô - Jornal Brasil em Folhas
Senegal protesta ante Espanha após a morte de camelô


O Senegal protestou ante a Espanha e exigiu que proteja os senegaleses no país no dia seguinte da morte, em circunstâncias confusas, de um vendedor ambulante em Madri, declarou nesta sexta-feira o chanceler senegalês, Sidiki Kaba.

O governo do Senegal condena a violência pela morte do senegalês, declarou o ministro à rádio RFM.

Convoquei imediatamente o embaixador da Espanha (em Dacar) para transmitir-lhe uma nota verbal de protesto, acrescentou.

Segundo Kaba, o Senegal garante a proteção dos estrangeiros em seu território e a Espanha deve fazer o mesmo com os senegaleses em seu território.

Dacar pede uma investigação independente sobre o falecimento, acrescentou Kaba, ex-encarregado da Federação Internacional de Direitos Humanos (FIDH).

O governo deve tomar as disposições para esclarecer as circunstâncias da morte de Mame Mbaye Ndiaye, senegalês de 35 anos, que era vendedor ambulante na Porta do Sol.

No fim da tarde de quinta-feira, Mbaye deixou a praça durante uma intervenção da Polícia e fugiu, com a mercadoria, até a rua do Urso, a um quilômetro de distância.

Ali foi ao chão, vítima de um ataque cardíaco. Os serviços de emergência receberam uma ligação às 16H52, pois estava com convulsões.

Horas depois de sua morte, dezenas de pessoas protestaram e enfrentaram as forças de segurança, mobilizadas pelo protesto.

A Espanha, país de 46,5 milhões de habitantes, tem 10% de estrangeiros, dos quais 64.000 são senegaleses.

 

Últimas Notícias

Brasil perdeu 7,2 milhões de linhas de celular no ano passado
Petrobras reduz em 3% GLP empresarial nas refinarias
Ministro do STJ nega pedido de prisão domiciliar a João de Deus
Escassez de chuvas leva governo a acionar termelétricas mais caras
Picciani, Paulo Melo e Albertassi serão julgados por Bretas
Suspensa permissão para deputada receber denúncias contra professores
MPT não descarta pedir bloqueio dos bens do Flamengo
Número de mortos identificados em Brumadinho chega a 151

MAIS NOTICIAS

 

Sul do Chile enfrenta 45 focos de incêndios florestais
 
 
Governo de Minas oferece suporte psicossocial às vítimas de Brumadinho
 
 
Força Nacional de Segurança começa a deixar o Ceará
 
 
Licitação de ônibus em São Paulo tem contratos de R$ 71 bi em 20 anos
 
 
Força Nacional vai atuar em Belém na primeira quinzena de março
 
 
Fiocruz alerta para agravamento de doenças na população após tragédia

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212