Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


16 de Fev de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Curso Superior de Polícia forma 56 profissionais de segurança pública - Jornal Brasil em Folhas
Curso Superior de Polícia forma 56 profissionais de segurança pública


Após dezoito meses, 56 alunos do Curso Superior de Polícia (CSP) concluíram a Pós-Graduação, Gestão em Segurança Pública. Com a graduação, os profissionais estão aptos para a última progressão na carreira e assumir postos de comando na gestão administrativa da segurança. A entrega dos certificados ocorreu na manhã desta sexta-feira (16.03), na Academia da Polícia Judiciária Civil.

O Curso Superior de Polícia (CSP/2016/2017) foi executado pela Polícia Judiciária Civil em convênio com a Escola de Governo. Os alunos que se formaram são 39 delegados de polícia, da capital e do interior, oito oficiais da Polícia Militar, quatro oficiais do Corpo de Bombeiros, dois peritos da Politec e dois agentes da Polícia Rodoviária Federal.

O diretor da Academia da Polícia Civil, Carlos Fernando da Cunha, explicou o curso. “Trata-se de um curso de Pós-Graduação lato sensu com duração de 440 horas/aulas e no final foram produzidos trabalhos de cunho monográfico de pesquisa científica defendidos em banca pública. Esse trabalho visa à progressão, seja de oficiais ou delegados, para o último degrau na carreira profissional, no caso dos delegados a classe especial, e dos oficiais ao cargo de coronel, que é o cargo mais alto na gestão da administração da segurança pública”, disse.

O Curso Superior de Polícia prepara delegados da Polícia Civil e oficiais superiores da Polícia Militar, Corpo de Bombeiros, peritos da Politec, agentes da PRF, para cargos mais elevados em suas instituições. As disciplinas são direcionadas a oferecer conhecimento e ferramentas de trabalho para que os profissionais desenvolvam com competência a incumbência de liderança quando nomeados a cargos de gestores.

Primeiro colocado na turma do CSP 2016/2017, o tenente-coronel PM, Alessandro Gonçalves Guimarães Ferreira, recebeu nota 9,87 em seu artigo cientifico com o tema Polícia Comunitária.

“As matérias trataram basicamente na área de gestão que é uma prática nossa, vivida na Polícia Militar. Tenho 21 anos de Polícia e esses 21 anos foram todos como gestor. As matérias do Curso Superior de Polícia da PJC são muito boas porque têm essa afinidade com a gestão pública, como gerir, como ser gerente. Minha tese no curso foi sobre Polícia Comunitária. É uma ferramenta de gestão essencial hoje para todas as forças. Fiz com viés na população”, disse.

O professor Oscemário Daltro, coordenou pela Escola de Governo o Curso Superior de Polícia, juntamente com a Academia de Polícia Civil. Conforme ele, o curso faz uma reestruturação na formação de gestor público, voltada para área de segurança.

“Este é o propósito dar condições aos delegados, coronéis da PM e Bombeiros, assim como os peritos, alçarem o posto máximo da carreira. Passarão a ser gestores, não só policiais, ocupando cargos relevantes dentro das estruturas das corporações onde permanecem. O curso trouxe temas e assuntos importantes e necessários para a formação desses gestores, para quando assim estiverem desempenhando suas funções tenham todo esse conhecimento: da gestão de pessoas, orçamentária, financeira, planejamento estratégico, na gestão da coisa pública, em seu contexto geral”, pontuou.

Outro aluno que também recebeu seu certificado foi o secretário de Segurança Pública, Gustavo Garcia Francisco, que falou da integração das forças durante o curso, onde os profissionais tiveram que conciliar suas atividades policiais com as aulas realizadas em período integral, uma vez por mês, ao longo de 1 ano e meio. “Essa turma composta por integrantes de todas as forças fez com nos conhecemos mais, nos aproximou ainda mais. Todo processo que se forma líderes também é feito de desafios. Não foi fácil fazer o curso e manter o mesmo nível de excelência”, afirmou.

Publicação de Trabalhos

Os trabalhos defendidos pelos alunos do Curso Superior de Polícia, turma 2016/2017, deverão ser publicados. “Alguns desses artigos foram produzidos com tamanha qualidade que estamos trabalhando agora na publicação desses artigos. A publicação vai dar conhecimento público e notoriedade pra uma arguição com enfoque na segurança pública, de problemas enfrentados na administração pública, de forma, a longo prazo, mudar a realidade e o pensamento doutrinário da gestão em segurança pública”, disse o diretor da Acadepol, Carlos Fernando Cunha.



 

Últimas Notícias

Governadores pedem ao STF julgamento de processos sobre repasses
Ministro quer atrair investimentos privados para Jardim Botânico do RJ
Fies vai oferecer 100 mil vagas a juro zero para alunos de baixa renda
TJ libera R$ 13 milhões para Vale ressarcir gastos do governo mineiro
Vale pede mais tempo para analisar Termo de Ajuste Preliminar
Deputados do Rio presos podem ter posses suspensas
Vale suspende operação em barragem em Brucutu e de mina em Brumadinho
TRE-RJ mantém ex-deputado Paulo Melo inelegível até 2024

MAIS NOTICIAS

 

Sul do Chile enfrenta 45 focos de incêndios florestais
 
 
Governo de Minas oferece suporte psicossocial às vítimas de Brumadinho
 
 
Força Nacional de Segurança começa a deixar o Ceará
 
 
Licitação de ônibus em São Paulo tem contratos de R$ 71 bi em 20 anos
 
 
Força Nacional vai atuar em Belém na primeira quinzena de março
 
 
Fiocruz alerta para agravamento de doenças na população após tragédia

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212