Assine Brasil em Folhas / Nuvem / Pressreader



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


22 de Sep de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade
 

...

...

 
Notícias
 “O Governo do Maranhão ajudou que o Porto São Luís virasse realidade”, destaca empreendedor chinês - Jornal Brasil em Folhas
“O Governo do Maranhão ajudou que o Porto São Luís virasse realidade”, destaca empreendedor chinês


O governador Flávio Dino, participou nesta sexta-feira (16), da cerimônia de lançamento do Porto Multimodal de São Luís, novo empreendimento chinês no Maranhão.

A construção do Porto São Luís faz parte da política de atração de investimentos desenvolvida desde 2015 pela gestão Flávio Dino e renderá, em sua primeira etapa, investimento de R$ 800 milhões e a geração de aproximadamente cinco mil empregos. O projeto total é orçado em aproximadamente R$ 1,7 bilhão.

“Nós temos muita confiança de que a soma de investimentos públicos com investimentos privados vá garantir que o ano de 2018 tenha um crescimento ainda mais acentuado da economia do Maranhão, já tivemos no ano passado o maior crescimento do Brasil, fruto exatamente desse esforço conjunto”, afirma o governador Flávio Dino.

O Porto São Luís alia investimentos da empresa China Communications Construction Company (CCCC), detentora de 51% do empreendimento, e sócios brasileiros como a WPR, braço do Grupo WTorre, com os outros 49% das ações.

“São empreendimentos como esse, liderados pela Associação Empresarial, entre a WPR e a CCCC e outras empresas, que garantem a continuidade do ciclo de oportunidades que é o que nós visamos. Oportunidades para os nossos empresários, para as empresas do Maranhão, para os trabalhadores do Maranhão, além disso nos ajudar no crescimento da riqueza existente no estado. Nós só vamos ampliar a justiça social, as políticas sociais, havendo mais investimentos e é isso que nós estamos buscando”, completa Flávio Dino.

A capacidade de movimentação do novo terminal é de cerca de dez milhões de toneladas por ano – sendo sete milhões de soja e milho, 1,5 milhão de fertilizantes, 1,5 milhão de carga geral e 1, 8 milhão metros cúbicos de derivados de petróleo.

Chang Yunbo, chairman e presidente da CCCC na América, se disse satisfeito com apoio do Governo do Estado para o investimento da CCCC no Maranhão.

“Estamos muito satisfeitos com apoio do governador Flávio Dino. Abriu as portas do estado para nossa empresa, não por sermos chineses, mas por ter acreditado nesse projeto. A geração de empregos será progressiva, começando com os 4 mil postos diretos referentes à primeira fase do projeto, mas gerando outros milhares de empregos permanentes, gerando oportunidades para o Maranhão”, destaca o Chang Yunbo.

A obra compreende uma área de 200 hectares onde serão construídos seis berços, sendo quatro na primeira fase de construção e dois na segunda, mais ponte de acesso, acesso rodoferroviário e pera ferroviária.

A construção do Porto São Luís faz parte da politica de atração de investimentos desenvolvida desde 2015 por Flávio Dino. (Foto: Karlos Geromy)

Realização

Desenvolvido ao longo dos últimos cinco anos, o novo terminal de uso privado em São Luís do Maranhão, finalmente deixa de ser um projeto para se tornar realidade.

Walter Torre, presidente da WPR, reconheceu que sem o auxílio do Governo do Maranhão, a implantação do porto ficaria prejudicada.

“O Governo do Maranhão ajudou que o Porto São Luís virasse realidade. No início nós ficamos muito preocupados e com o tempo fomos aprendendo que ele era um incentivador, o governo foi um grande incentivador que esse porto se transforme, nos próximos anos, no maior porto do país em exportação de grãos”, pontua Walter Torre.

 

Últimas Notícias

Deputado Marlúcio promove caminhonetadas em várias regiões de Aparecida
Dia da Árvore: desmatamento vem caindo, mas ainda há desafios
Brincar com os quatro elementos da natureza ajuda a criança a se desenvolver melhor
Meninas que praticam esportes, cuidado com a alimentação!
Indústria paulista fecha 2,5 mil postos de trabalho em agosto
Aneel descarta revisão de bandeira tarifária em conta de luz
BNDES: empréstimos para Cuba e Venezuela não deveriam ter sido feitos
Brasil amplia investimento em educação infantil, diz OCDE

MAIS NOTICIAS

 

Toffoli toma posse hoje na presidência do STF
 
 
Chanceler do Paraguai visita Brasil para negociar construção de pontes
 
 
Indústria recua em oito dos 15 locais pesquisados pelo IBGE em julho
 
 
Brasil amplia investimento em educação infantil, diz OCDE
 
 
México investiga caso de deputadas forçadas a renunciar
 
 
A série de ataques de 11 de Setembro completa 17 anos

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212