Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


17 de Nov de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Chanceleres do Mercosul chegam a consenso em negociações com UE - Jornal Brasil em Folhas
Chanceleres do Mercosul chegam a consenso em negociações com UE


Os ministros de Relações Exteriores do Mercosul chegaram a um consenso interno sobre quatro temas de negociações com a União Europeia, após um encontro relâmpago nesta sexta-feira (16) em Assunção.

Foram acordadas posições entre os quatro Estados-membros para avançar nas negociações. A UE também tem que dar respostas a algumas apresentações que fizemos em janeiro e fevereiro, declarou à imprensa o chanceler paraguaio, Eladio Loizaga.

O consenso entre os ministros de Brasil, Argentina, Paraguai e Uruguai, os países integrantes do bloco, seria relacionados aos temas automotivo e agrícola, entre outros.

Loizaga, que não identificou os pontos, disse que tinha previsto se contactar com a comissária de Comércio da UE, Cecilia Malmstrom, para lhe comunicar as decisões.

Foi feita uma análise dos temas pendentes de resolução, se acordaram posições para avançar. Ratificamos de novo nossa vocação política para assinar o acordo de livre-comércio, explicou Loizaga, como porta-voz dos chanceleres.

Mais cedo, o presidente do Paraguai, Horacio Cartes, se reuniu com os ministros da Argentina Jorge Faurie, do Brasil, Aloysio Nunes e do Uruguai, Rodolfo Nin Novoa, além de Loizaga, na residência presidencial.

O presidente deu todo o respaldo político ao processo de negociações e à presidência pro tempore (nas mãos do Paraguai neste semestre) para avançar neste já longo processo negociador, explicou.

Queremos concluir o quanto antes, indicou.

Ele apontou que ambos os blocos estamos sendo observados pela comunidade internacional pelo avanço das negociações, sobretudo quando estão aparecendo vestígios de protecionismo.

Ele acrescentou que caso seja alcançado, o acordo, cujo prazo foi fixado para a próxima semana, vai dar uma mensagem muito importante ao comércio internacional.

Falta chegar a um consenso em cada um dos dois blocos que nos permita em pouco tempo adiantar que concluímos o acordo, pontuou Loizaga.

 

Últimas Notícias

Com pênalti controverso, Brasil vence Uruguai por um a zero
Brasil está preparado para substituir médicos cubanos, afirma Temer
Chega a quatro número de vítimas das chuvas em Belo Horizonte
Estudantes poderão renovar o Fies até o dia 23
Massoterapeuta Dani Bumbum deixa prisão no Rio
Cervejas terão rótulos com os ingredientes usados na fabricação
Temporal causa mortes e estragos em BH; adolescente está desaparecida
Bolsonaro reitera que decisão sobre médicos cubanos é humanitária

MAIS NOTICIAS

 

Morre em Pelotas o criador da camisa canarinho, Aldyr Schlee
 
 
Brasil concentrou 40% dos feminicídios da América Latina em 2017
 
 
Jungmann e Toffoli anunciam sistema para unificar processos de presos
 
 
Pensamento liberal deve guiar a equipe econômica de Bolsonaro
 
 
Gold3-4 minutosfajn permanecerá à frente do BC até Senado aprovar Campos Neto
 
 
Senado argentino aprova orçamento de 2019 como prometeu ao FMI

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2019 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212