Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


23 de Jan de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Palestino atropela e mata dois soldados israelenses na Cisjordânia - Jornal Brasil em Folhas
Palestino atropela e mata dois soldados israelenses na Cisjordânia


Dois soldados israelenses morreram e outros dois ficaram feridos nesta sexta-feira ao serem atropelados por um carro dirigido por um palestino, informou o Exército hebreu.

O ataque contra os quatro militares israelenses, entre eles um oficial, ocorreu próximo a um posto militar a oeste de Jenin, no norte da Cisjordânia, o território palestino ocupado pelo Exército hebreu.

O motorista, ferido no atentado, foi levado para um hospital e está sendo interrogado, revelaram as autoridades.

Segundo o Shin Beth, o serviço israelense de segurança interna, o atropelador é Alaa Kabha, nascido em 1991 e natural da localidade de Bartaa, na região de Jenin, com passagem pela prisão por motivos de segurança e libertado em abril de 2017.

Os atropelamentos são utilizados com frequência por palestinos contra as forças israelenses.

A decisão do presidente americano, Donald Trump, de transferir a embaixada americana em Israel para Jerusalém, anunciada no dia 6 de dezembro, causou a elevação das tensões, após meses de relativa calma nos territórios palestinos. Ao menos 31 palestinos e quatro israelenses morreram em episódios violentos desde então.

O movimento islâmico Hamas, que havia convocado para esta sexta-feira um dia de ira, celebrou o ataque ocorrido em Jenin, mas não reivindicou a ação.

A operação (...) confirma que nosso povo segue participando da Intifada de Jerusalém e que esta revolta contra a decisão de Trump e a ocupação (israelense) não é apenas um ataque de cólera, mas sim um combate em curso até a libertação total do nosso povo, declara o comunicado do Hamas, considerado por Israel uma organização terrorista.

O posto militar próximo ao local do atropelamento está na zona das colônias israelenses de Mevo Dotan e Hermesh.

Ao menos 400 mil colonos israelenses vivem - sob a proteção do Exército - na Cisjordânia ocupada, ao lado de 2,6 milhões de palestinos.

 

Últimas Notícias

Chega a 73 o número de mortos em explosão no México; feridos somam 74
Forte terremoto de magnitude 6,7 atinge o Chile
Mais de 150 imigrantes se afogam no Mar Mediterrâneo
Brasil e Europa vão ser interligados por novo cabo submarino
Acordo para mudar nome da Macedônia gera protestos em Atenas
Ghosn está disposto a aceitar qualquer condição para obter fiança
Bombeiros buscam pessoa desaparecida depois de tromba dágua no Rio
Mega-Sena acumula de novo e pode pagar R$ 38 milhões na quarta-feira

MAIS NOTICIAS

 

ANP aprova credenciamento de empresa certificadora
 
 
Política de combate à inflação foi bem-sucedida, diz presidente do BC
 
 
Marcos Pontes: fusão de Embraer e Boeing preserva interesses do país
 
 
Número de linhas de celular tem maior queda do ano em novembro
 
 
ANP: Petrobras pede prazo maior para definir quais campos vai explorar
 
 
Ex-presidente do Banco Central defende política econômica do governo

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212