Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


21 de Fev de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Estrada Verde será ligação alternativa entre Cuiabá e Sul do estado - Jornal Brasil em Folhas
Estrada Verde será ligação alternativa entre Cuiabá e Sul do estado


Para potencializar o turismo e fugir do tráfego de caminhões pesados na região sul do Estado, o governo de Mato Grosso está pavimentando 77 quilômetros da MT-040 (Estrada Verde), que liga Ronodonópolis a Cuiabá, passando pela região do Pantanal e por pontos históricos como o Distrito de Mimoso, em Santo Antônio do Leverger, onde nasceu Marechal Cândido Rondon, o patrono das telecomunicações no Brasil.

A obra tem previsão de entrega para o final de 2018 e está sendo executada pela Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística (Sinfra). A ligação entre Cuiabá e Rondonópolis pela Estrada Verde deve ter apenas 10 km a mais que o trecho pela BR-364, que é de 220 quilômetros.

A MT-040 liga a região do Distrito de Mimoso até o Distrito de São Lourenço de Fátima (Juscimeira). A rodovia é uma alternativa para os veículos pequenos que precisam trafegar no caminho entre a Capital e a região Sul do Estado, sem a necessidade passar pela Serra de São Vicente por onde é escoada a safra agrícola mato-grossense.

De acordo com o superintendente de Obras da Sinfra, Diogo Menezes, a pavimentação da Estrada Verde foi dividida em 4 lotes, sendo que um de 20 km está concluído. Após a finalização das obras, a nova estrada levará o desenvolvimento e novas oportunidades para várias localidades ribeirinhas da região, como a comunidade de Brejinho, localizada no entroncamento com a MT-270.

“Já concluímos um lote de 20 quilômetros e estamos trabalhando em outros 3, que somam 57 km. Devido as fortes chuvas, que estão intensas nesta região do Pantanal, as obras estão paralisadas momentaneamente. Os serviços serão retomados durante o período de seca, quando serão concluídas”, disse o superintendente da Sinfra.

Pró-Estradas

Com investimentos de R$ 68,7 milhões, a obra é financiada pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e integra o Pró-Estradas que em três anos da atual gestão ultrapassou a marca de 2.400 quilômetros de estradas pavimentadas. Foram asfaltados mais de 1.000 quilômetros e reconstruídos outros 1.400 km de rodovias que estavam sem condições de trafegabilidade. Os resultados superam os obtidos nos quatro anos anteriores, quando foram feitos 886 quilômetros de asfalto.

 

Últimas Notícias

Brasil perdeu 7,2 milhões de linhas de celular no ano passado
Petrobras reduz em 3% GLP empresarial nas refinarias
Ministro do STJ nega pedido de prisão domiciliar a João de Deus
Escassez de chuvas leva governo a acionar termelétricas mais caras
Picciani, Paulo Melo e Albertassi serão julgados por Bretas
Suspensa permissão para deputada receber denúncias contra professores
MPT não descarta pedir bloqueio dos bens do Flamengo
Número de mortos identificados em Brumadinho chega a 151

MAIS NOTICIAS

 

Sul do Chile enfrenta 45 focos de incêndios florestais
 
 
Governo de Minas oferece suporte psicossocial às vítimas de Brumadinho
 
 
Força Nacional de Segurança começa a deixar o Ceará
 
 
Licitação de ônibus em São Paulo tem contratos de R$ 71 bi em 20 anos
 
 
Força Nacional vai atuar em Belém na primeira quinzena de março
 
 
Fiocruz alerta para agravamento de doenças na população após tragédia

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212